Frente Nacional francesa irá processar Madonna

Vídeo da atual turnê da cantora relaciona Marine Le Pen, líder do partido, a imagens nazistas

Miriam Coleman Publicado em 16/07/2012, às 16h14 - Atualizado em 26/07/2012, às 19h25

Madonna deu o tão aguardado início à sua turnê MDNA em Israel.
AP

A Frente Nacional, partido francês de extrema direita, abrirá uma ação judicial contra Madonna por insulto público. Em show em Paris realizado no último sábado, 14, a cantora associou uma suástica à imagem de Marine Le Pen, presidente do partido, segundo informou o site do The Guardian.

Saiba como foi a estreia da nova turnê de Madonna, em Israel.

Na atual turnê, durante a música “Nobody Knows Me”, uma montagem com a imagem de uma suástica é mostrada sobre o rosto de Marine Le Pen. O vídeo também inclui imagens do líder chinês Hu Jintao, do Papa Bento XVI, da norte-americana Sarah Palin e, logo após a imagem de Marine, Adolf Hitler. “Nós não podemos aceitar este insulto”, disse Florian Phillippot, vice-presidente da Frente Nacional. “Marine Le Pen está defendendo sua honra e também a dos membros do partido, apoiadores e milhões de eleitores da Frente Nacional.”

Madonna exibiu o vídeo pela primeira vez na estreia da turnê, em Tel Aviv, Israel, e Marine Le Pen já tinha avisado que se a cantora fizesse o mesmo na França, o partido “estaria esperando por ela”. “É compreensível quando cantores que estão envelhecendo e precisam de publicidade vão ao extremo. Sua música não funciona mais”, disse ela.

A cantora está na estrada com a turnê MDNA, que passará pelo Brasil em dezembro. Os shows estão marcados pra acontecer no Rio de Janeiro, 2, no Parque dos Atletas, em São Paulo, 4 e 5, no Estádio do Morumbi, e em Porto Alegre, 8, no Olímpico. Os ingressos já estão à venda.