Pulse

Mano Brown critica eleitores de Bolsonaro: "Tomou o golpe? Assume e já era"; assista

"Tem que ser transparente, todo mundo erra", disse o rapper em um show dos Racionais MC's em Curitiba, quando a plateia inteira negou ter votado no atual presidente do Brasil

Redação Publicado em 29/08/2019, às 12h24

None
Mano Brown (Foto: Andréia Takaishi)

No último dia 17, os Racionais MC's passaram lá por Curitiba com a turnê de 30 anos do grupo e, assim como fez mais recentemente no Rio de Janeiro, Mano Brown falou umas palavrinhas sobre os responsáveis por elegerem o presidente Jair Bolsonaro.

Em um certo momento, o rapper perguntou para a plateia, que cantava "ei Bolsonaro, vai tomar no cu", se realmente ninguém ali tinha votado no político que hoje comanda o Brasil. Em uníssono, o público garantiu que não.

Com a resposta que obteve, Brown deu risada e duvidou dessa unanimidade. "Tem que ser transparente, todo mundo erra, parceiro. Todo mundo é enganado. Todo mundo tomou o golpe? Assume e já era", falou.

+++Leia mais: Mano Brown critica hipocrisia de quem xinga Jair Bolsonaro em show dos Racionais MC's

E ainda acrescentou: "Tomou o golpe da mídia? Acreditou no que não era verdade? Tomar golpe não é crime e nem é pecado! É só assumir".

Para demonstrar sua descrença com a resposta da plateia à pergunta, Brown ironizou a negação dos votos e também disse: "Eu sou obrigado a acreditar no Ultraman, acreditar no Pato Donald, no Mickey".

O vídeo do momento, que pode ser assistido aqui, foi compartilhado na última terça, 27, 10 dias depois do show.

+++ A playlist da Drik Barbosa - De Emicida a Erykah Badu