Maria Bethânia ganha o Prêmio Shell

Cantora é a primeira intérprete a ser escolhida pela comissão, que anteriormente só premiava compositores

Da redação Publicado em 03/06/2008, às 13h54

Maria Bethânia é a primeira intérprete a ganhar o Prêmio Shell de Música
Reprodução/MySpace

Maria Bethânia foi anunciada nesta terça, 3, como vencedora do Prêmio Shell de Música. É um marco na história da premiação, que desde seu início (o prêmio foi criado em 1981) só homenageava compositores, e não intérpretes, como é o caso de Bethânia.

Seis jurados escolheram a cantora: os jornalistas Luiz Fernando Viana (Folha de S. Paulo) e Arthur Dapieve (O Globo), o radialista Fernando Mansur, o produtor cultural Bruno Levinson, e os produtores musicais Moogie Canazio e Zuza Homem de Mello. Não existe uma lista de concorrentes; desde que o prêmio foi criado, o júri se reúne e escolhe um artista que esteja dentro dos padrões impostos pelo regulamento.

Os R$15 mil e o troféu que compõem a premiação serão entregues a Maria Bethânia em um show comemorativo no Rio de Janeiro, ainda sem data marcada.

Entre o artistas que já receberam o Prêmio Shell de Música estão Tom Zé, Dona Ivone Lara e Rita Lee. Clique aqui para conhecer a lista completa de ganhadores.

Maria Bethânia

A cantora, irmã de Caetano Veloso, começou sua carreira em 1965, quando substituiu Nara Leão em um espetáculo musical. Desde então, Bethânia lançou 30 álbuns de estúdio e 14 ao vivo. Ela também ganhou o Prêmio Tim 2008 na categoria DVD, por Pedrinha de Aruanda (Andrucha Waddington) e Bethânia bem de perto (Julio Bressane e Eduardo Escorel).