Pulse

Marilyn Manson queima bíblia e Kanye West faz culto a Deus - tudo no mesmo festival

Astroworld, de Travis Scott, foi bem... Variado

Redação Publicado em 13/11/2019, às 18h29

None
Marilyn Manson e Kanye West (Foto 1: Chris Pizzello/AP e Foto 2: Amy Harris/Invision/AP)

No último sábado, 9, Travis Scott apresentou o festival Astroworld em Houston, Texas. O evento, embora bastante focado no rap, convidou Marilyn Manson para se apresentar. Ao lado de Kanye West, o músico promoveu um show, no mínimo, peculiar. 

Enquanto West agora vive por adoração a Deus, Manson segue o caminho contrário - e nem liga de ser chamado de satanista, embora diga não ser. Mas, definitivamente, parece ter algo contra o cristianismo.

+++ LEIA MAIS: Dave Grohl faz churrascão e convida Marilyn Manson e Jerry Cantrell; veja fotos

Em cima do palco, Manson, com todo o “look dark” já consagrado por ele, queimou uma bíblia em cima do palco. Um repeteco da polêmica que causou em diversos outros shows (inclusive no Brasil, em 2016). 

Não muito distante da apresentação deManson, Kanye West fez um show. Ele divulgou seu novo disco, Jesus is King (Jesus é Rei), e cantou músicas dignas dos cultos que ele faz aos domingos, como “Follow God” (“Siga a Deus”).