As melhores apresentações do One World: Together at Home: de Rolling Stones a Jennifer Lopez

É provavel que, no futuro, esse evento seja bem lembrado na história da música, e aqui estão as melhores apresentações

Yolanda Reis Publicado em 18/04/2020, às 23h24

None
Paul McCartney (esq.), Jennifer Lopez (acima) e Charlie Watts dos Rolling Stones (abaixo) marcam algumas das melhores apresentações do One World: Together at Home (Fotos: Reprodução)

Aconteceu neste sábado, 18, One World: Together at Home. O evento, organizado porLady Gaga em parceria com a Organização Mundial da Saúde e a ONG Global Citizen, tem tudo para virar um dos momentos mais memoráveis e épicos da história da música.

O objetivo foi arrecadar fundos para comprar suprimentos para pessoas que trabalham diariamente lutando contra o coronavírus, epidemia que deixou bilhões de pessoas em quarentena no mundo todo. Por isso, Gaga convidou centenas de grandes nomes da indústria do entretenimento para participar.

Os artistas gravaram vídeos para um evento online apresentado por  Jimmy KimmelJimmy FallonStephen Colbert e bonecos animados da Vila Sésamo. Aqui no Brasil, Thiago Leifert fez a apresentação para Globo. Uma curadoria incrível, de qualquer maneira, pois o line up tinha centenas de nomes.

Separamos, abaixo, os melhores shows do One World: Together at Home (a ordem é cronológica):

Adam Lambert tocando "Mad World"

O vocalista do Queen foi o primeiro nome grande do evento. Apresentou "Mad World". Enfatizou que a música não faz parte de seu repertório, normalmente, e não a cantava há anos. O mais marcante, porém, foi a aparencia: Adam Lambertapareceu maquiado e com as unhas pintadas, rodeado de plantas. Voltou, depois, para apresentar "Superpower."


The Killers tocando "Mr. Brightside"

Brandon Flowers, vocalista, apareceu grisalho, ao lado de Ronnie Vannucci  (oficialmente, baterista; aqui, tocou violão). Apresentaram uma versão diferenciada de "Mr. Brightside" - algo orbitando entre o eletrônico e o acústico. Voltaram, depois, para mostrar "Caution" - mas a reivenção do primeiro hit foi mais divertida.


Charlie Puth tocando "See You Again"

Você imaginaria que, ao aparecer em vídeo para bilhões de pessoas em um evento com potencial para marcar a história da música, alguém se preocuparia o mínimo com as aparências, certo? Não Charlie Puth. O músico gravou no quarto; no fundo, a cama dele, bagunçada. Virou rapidamente um dos assuntos mais comentados na internet.


Lady Gaga tocando"Smile"

A cantora foi responsável por organizar todo o One World Together at Home. A curadoria de cantores, principalmente da segunda parte do evento, é dela; os lucros são da OMS. Às 21h, apresentou "Smile" em uma sala extremamente colorida e animada. Pedindo a todos o mais importante: sorrisos.


Paul McCartney tocando "Lady Madonna"

A música dos Beatles fala sobre uma mãe solteira que se sacrifica para criar os filhos. Paul McCartney a usou para relembrar a mãe, Mary, enfermeira da Segunda Guerra Mundial. Projetou a homenagem, também, para todas as enfermeiras que trabalham na linha de frente da batalha contra o coronavírus. Mudou a letra para agradecê-las.


Rolling Stones tocando "You Can't Always Get What You Want"

Os quatro stones -Mick Jagger, Keith Richards, Ronnie Wood e Charlie Watts - participaram, cada um de sua casa. A tela, dividida em quatro, mostrou um por vez aparecendo, na ordem citada acima. Quando Watts apareceu, porém, um imprevisto: ele não tinha uma bateria!

Isolado em casa durante a quarentena, o baterista dosRolling Stones improvisou um instrumento com maletas e móveis de casa (os pratos eram totalmente imaginários) - e não demorou a causar riso. 

Jennifer Lopez cantando "People"

Barbra Streisand gravou "People" em 1964; em 2020, Jennifer Lopez reinventou a música de maneira singela e encantadora. A cantora, no quintal de casa e munida de um microfone e luzes de Natal, fez uma apresentação tão graficamente bonita que facilmente poderia ser o videoclipe da canção. O maior capricho com cenário da noite.


"The Prayer" no final

A última apresentação de One World: Together at Home reuniu alguns dos maiores nomes da música. A organizadora Lady Gaga, ao lado de John Legend, Lang Lang, Andrea Bocelli e Celine Dion performaram "The Prayer", faixa composta em 1999 para as duas últimas. A junção de todos fez da apresentação épica.