Membros do Midnight Oil e Violent Femmes formam nova banda

Álbum do novo grupo de surf music deverá ser lançado em abril, na Austrália

Da redação Publicado em 27/01/2010, às 19h30

Os membros do Midnight Oil se uniram a Brian Ritchie, baixista do grupo norte-americano Violent Femmes, para formar uma nova banda de surf music. A informação é do site da revista Spinner. O grupo, que recebe o nome de Break, já está com álbum a caminho.

Intitulado Church of the Open Sky, o disco conta com 15 faixas que, segundo o Herald Sun australiano, foram compostas em somente nove dias, e deve ser lançado na terra dos cangurus em abril. O novo grupo planeja turnê pela Austrália assim que o álbum for lançado e, se a divulgação for bem sucedida, realizarão shows em outros cantos do mundo, sobretudo nos locais onde o surf é difundido.

"Pelo fato do Midnight Oil e Violent Femmes terem tido um público internacional, a ideia seria ir nesses locais onde há surf, seja África do Sul ou Brasil ou a costa norte-americana", disse Rob Hirst, em entrevista ao jornal australiano. "Mas primeiro queremos tocar na Austrália."

Enquanto o Midnight Oil é conhecido por suas letras engajadas, as faixas do Break serão em sua maioria instrumentais. Rob Hirst, Jim Moginie e Martin Rotsey, do Oil, formam o novo grupo de surf music com Brian Ritchie - os integrantes se conheceram nos anos 1980, quando o Midnight Oil e o Femmes excursionaram juntos. Peter Garrett, o ex-vocal da banda autraliana, atua hoje como ministro do Meio Ambiente no país.

A banda possui MySpace, onde é possível ouvir a faixa "Cylinders".