Michael Franti and Spearhead estão gravando disco “mais agressivo”

O frontman diz que as novas faixas da banda têm “mais volume e às vezes são mais punk rock”

Greg Prato Publicado em 01/04/2012, às 10h45

"Minha música é sobre construir pontes, não muros", disse Michael Franti ao público
Marcos Hermes/Divulgação

Michael Franti e sua banda, a Spearhead, estão atualmente trabalhando no oitavo disco de estúdio, e o frontman diz que ele será um pouco diferente sonoramente em relação aos lançamentos anteriores. "Este álbum é mais pesado e agressivo", Franti conta à Rolling Stone EUA. "Há algumas faixas que são somente violão e mais nada, mas há outras que não são assim, têm mais volume e às vezes são mais punk rock, com batidas de dance."

Em 2011, quando esteve no Brasil para se apresentar no SWU, Michael Franti passou pelo Estúdio RS. Clique aqui para assistir aos vídeos.

Embora a banda não tenha decidido o título do disco ainda, Franti afirma que ele chegará em algum momento do outono norte-americano, com um single ainda não definido saindo no meio do ano. Até agora, 35 músicas foram gravadas e elas passarão por uma peneira até que se chegue em um número bom para o disco. O álbum também promete ser mais colaborativo.

"Estamos trabalhando ao lado de muitos produtores nesse disco", diz Franti. "Sly & Robbie, vamos fazer alguma coisa com eles. Também tenho produzido muita coisa com o meu guitarrista, Jay Bowman. E ainda estamos trabalhando com vários compositores. Esta é a primeira vez que faço isso."

O cantor também está buscando inspiração para o disco em um lugar mais alto. “Eu tenho me inspirado vendo a Terra do espaço", Franti explica. "Quando você vê fotos da Terra, você pensa nela como um organismo unicelular flutuando pelo universo, e aí você se aproxima e vê todas as alegrias e problemas e as relações humanas que temos. As perspectivas micro e macro da Terra e suas políticas atuais." O tema é refletido no título de umas das faixas, "Earth from Outer Space", enquanto outra canção, chamada "11:59" é uma "metáfora para onde estamos no mundo hoje, em um precipício com tantas mudanças acontecendo de uma vez", diz Franti.

Os fãs não vão ter que esperar muito para ver Michael Franti & Spearhead ao vivo, porque eles planejam lançar uma turnê em maio e tocar durante todo o verão norte-americano nos festivais da estação. Depois, farão uma turnê própria para promover o disco. A constância de shows tem sido importantíssima para o sucesso dos dois álbuns mais recentes do grupo, segundo explica Franti.

"A gente tem estado bastante na estrada e muito da atenção que se voltou para a banda foi no boca a boca nas redes sociais”, ele diz. "Mas nos últimos anos, tivemos algumas músicas que, por algum motivo – e para nossa surpresa –, tocaram bastante no rádio. O rádio ainda informa muita gente sobre música. Eu acho que se fosse cinco anos antes, essas mesmas faixas não tocariam no rádio. Os tempos mudaram e a forma como as pessoas garimpam música na internet ampliou o gosto delas. Eu acho que estamos em um ótimo momento para que alguém seja músico e para que seja músico independente, como eu, podendo ter o tipo de sucesso que tive. Somos muito sortudos.”