Mike Tyson admite que estava bêbado e usando drogas antes de aparição icônica em Se Beber, Não Case: ‘Não sabia que estava envolvido’

Filme é estrelado por Zach Galifianakis, Ed Helms e Bradley Cooper

Redação Publicado em 06/07/2020, às 09h58

None
Cena de Se Beber, Não Case (Foto: Reprodução/Warner Bros.)

Uma das participações mais inusitadas e impressionantes em Se Beber, Não Case é a do ex-pugilista Mike Tyson. No entanto, o atleta não se lembrava que estava envolvido no filme antes de ser lançado, porque ele admitiu estar bêbado e sob influência de drogas quando a produção foi filmada.

Tyson falou sobre isso em uma conversa com Tony Robbins, escritor e palestrante motivacional (via Mirror). "Eu conheci os caras [Zach Galifianakis, Ed Helms e Bradley Cooper] em um clube, eles estavam na seção VIP e eu disse: 'Aqui é onde eu normalmente sento, ninguém normalmente está aqui'", comentou o ex-lutador.

+++LEIA MAIS: Umbrella Academy: Principais mudanças feitas pela série da Netflix que arruinaram os personagens da HQ

Então, Mike Tyson foi entender o que os atores faziam lá. Ele falou com Zach Galifianakis: "
Era Zach, e ele disse: 'Nós estaremos em um filme com você' e eu disse 'É? Quando?' E ele disse 'amanhã'".

Em seguida, Tyson explicou o motivo de não lembrar das filmagens. "E eu não sabia [do filme], já que estava bebendo, fumando e me drogando naquela época, então não sabia que estava envolvido no longa", afirmou. "Então, eventualmente, eu tive que ir e fazer o filme e foi um sucesso".

+++LEIA MAIS: Kanye West presidente dos EUA: maiores polêmicas do rapper vão de capa de capa de disco a briga com Taylor Swift

Em Se Beber, Não Case, Myke Tyson aparece porque Alan, personagem de Zach Galifianakis, pegou um tigre de estimação do lutador.


+++ RAEL | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO