Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone

Morre diretor e roteirista Ruggero Deodato aos 83 anos

Ruggero Deodato foi o diretor responsável pelo filme Holocausto Canibal de 1979

Redação Publicado em 30/12/2022, às 11h36

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Ruggero Deodato foi considerado o pai do terror (Foto: Alamo / Reprodução Internet)
Ruggero Deodato foi considerado o pai do terror (Foto: Alamo / Reprodução Internet)

Ruggero Deodato, diretor e roteirista italiano morreu nesta quinta-feira, 29 aos 83 anos. A causa da morte não foi divulgada (via Uol Splash). O diretor deixa um único filho, Saverio Deodato Dionisio, 50 anos, com a atriz italiana Silvia Dionísio, separados desde 1979.

Deodato é o responsável pela direção do filmeHolocausto Canibal (1979) e foi considerado como o pai do terror, por conter cenas de sadomasoquismo e assassinato real de animais, o longa foi proibido em vários países e é visto com controvérsia até hoje. Dirigiu também Contagem de Cadáveres (1987), Os Bárbaros (1987)e o mais recente Deathcember (2019).

+++LEIA MAIS: Skinamarink: onde assistir o terror viral, febre nas redes?

Carreira

Nascido em 7 de maio de 1939, Deodato iniciou a carreira no audiovisual como assistente de direção em Alma Negra (1948). Já seu primeiro trabalho como diretor foi em Ursus, Prisioneiro de Satanás(1964), baseado no mito do herói Hércules. Porém, sua participação não foi creditada nesse filme, e a direção foi assinada apenas por Antonio Margheriti de quem foi assistente naquele ano em Dança Macabra.

Seu primeiro crédito como diretor só veio quatro anos em Fenomenal and the Treasure of Tutankamen,Gungala, the Black Panther Girl,Man Only Cries for Love e Holidays on the Costa Smeralda.

+++LEIA MAIS: It – A Coisa ganhará produções derivadas? Stephen King responde