Morre John Warhola, irmão de Andy Warhol

Ele foi uma espécie de segundo pai do artista e, ainda, ajudou a fundar a Andy Warhol Foundation for the Visual Arts, que estabeleceu o museu Andy Warhol

Da redação Publicado em 28/12/2010, às 12h58

John Warhola, irmão mais velho de Andy Warhol, morreu aos 85 anos
AP

Na última sexta, 24, morreu, aos 85 anos, John Warhola, irmão mais velho de Andy Warhol. Conforme informou a agência Associated Press, ele estava internado no Allegheny General Hospital, em Pittsburgh, onde lutava contra uma pneumonia.

John foi um dos fundadores da Andy Warhol Foundation for the Visual Arts, na qual também atuou como vice-presidente por 20 anos. Foi essa organização que abriu o maior museu dos Estados Unidos dedicado a um só artista, o Andy Warhol Museum, localizado em Pittsburgh, na Pensilvânia, em 1994. Sete anos antes, o ícone da pop art havia morrido, aos 58 anos, por causa de complicações decorrentes de uma cirurgia.

John serviu como uma espécie de figura paterna para Andy. Depois que Andrij Warhola, o pai dos irmãos, morreu, em 1942, foi ele quem ficou encarregado de cuidar do caçula e, inclusive, bancou parte de seus estudos na faculdade, onde o renomado artista teve a chance de se aperfeiçoar. De acordo com uma declaração de Donald Warhola, filho de John, ao jornal Pittsburgh Tribune-Review, Andy confiava muito em seu pai que, por sua vez, era muito zeloso com suas responsabilidades na fundação: "Ele tinha muito orgulho de ser vice-presidente e assumiu para valer o papel de historiador", afirmou.