Morre o ator Cláudio Marzo, aos 74 anos, vítima de problemas respiratórios

Marzo estava internado em clínica da zona sul carioca desde o último dia 4

Redação Publicado em 22/03/2015, às 15h53 - Atualizado às 17h18

Claudio Marzo
Reprodução/Vídeo

Morreu na manhã deste domingo, 22, aos 74 anos, o ator Cláudio Marzo. Marzo estava internado desde o último dia 4 na Clínica São Vicente, na zona sul do Rio de Janeiro, com o quadro infeccioso de pneumonia. Segundo o relatório médico oficial, o ator morreu em decorrência de um enfisema pulmonar.

Derrotado no Oscar, documentário sobre Sebastião Salgado leva o prêmio César.

Marzo já havia sido internado esta ano por conta de problemas respiratórios, fato que também havia ocorrido em setembro do ano passado, quando passou cerca de duas semanas no hospital. Após esse período, o ator teve de ser levado ao centro cirúrgico para tratar de problemas no aparelho digestivo. Em novembro, ele teve complicações causadas por uma hemorragia digestiva.

No Salão do Livro de Paris, quadrinistas refletem sobre a importância do evento para o mercado brasileiro.

Conhecido pelos papéis em novelas como Fera Ferida, A Indomada, Véu de Noiva e da versão original de Irmãos Coragem, a última aparição televisiva de Marzo foi na minissérie Amazônia - De Galvez a Chico Mendes, de Glória Perez, em 2007. Cláudio Marzo recebeu o prêmio de Melhor Ator no Festival de Gramado pelo trabalho em Homem Nu.