Morre o ator e diretor Marcos Paulo

Ele estava com 61 anos e foi vítima de uma embolia pulmonar

Redação Publicado em 12/11/2012, às 01h49 - Atualizado às 01h52

Marcos Paulo
Divulgação/TV Globo

Morreu na noite deste domingo, aos 61 anos, no Rio de Janeiro, o ator e diretor Marcos Paulo. Segundo o jornal Folha de S. Paulo, a causa da morte foi uma embolia pulmonar e ele estava na casa dele, na Barra da Tijuca, ao lado da família, quando morreu.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

Marcos tinha sido diagnosticado em maio de 2011 um câncer de esôfago. Em agosto, três meses depois, ele passou por uma cirurgia para retirar o tumor.

Ele ficou conhecido pelo público como ator de diversas novelas e minisséries da TV Globo. Atuou em Tieta, Gabriela (a primeira versão), Despedida de Solteiro e, mais recentemente, Páginas da Vida, Dirigiu, ainda, outras tantas produções da emissora, como Dancin’ Days (sua estreia atrás das câmeras, em 1978), A Indomada e O Beijo do Vampiro.

Recentemente, em 2010, ele fez sua estreia como cineasta com Assalto ao Banco Central e atualmente ele trabalhava em seu segundo longa na função de diretor, Sequestrados, com Milhem Cortaz, Lima Duarte e Vinícius de Oliveira no elenco.

Nascido em São Paulo, em 1951, era filho adotivo do ator, autor e diretor Vicente Sesso. Deixou três filhas: Vanessa, fruto da relação com a modelo Tina Serina; Mariana, com a atriz Renata Sorrah; e Giulia, com a também atriz Flávia Alessandra.

De acordo com um comunicado divulgado pela Central Globo de Comunicação, o velório e a cremação acontecem nesta segunda, 12, no Memorial do Carmo, no Rio, a partir das 11h.