Morre o ator Robin Williams

O ator de 63 anos estava lutando contra a depressão

Redação Publicado em 11/08/2014, às 20h05 - Atualizado às 22h52

Robin Williams
Frank Micelotta/AP

Morreu nesta segunda, 11, aos 63 anos, o ator e comediante Robin Williams, de acordo com o site da revista Entertainment Weekly. O ator vencedor do Oscar estava lutando contra a depressão e a suspeita é de que a causa da morte seja suicídio por asfixia, segundo a polícia Tiburon, na Califórnia. Os representantes dele, contudo, não confirmam. De acordo com o San Francisco Chronicle, a polícia recebeu uma ligação emergencial sobre um homem não identificado que não estava respirando. Quando a emergência chegou à cena, encontrou Williams dentro de sua casa; ele foi dado como morto logo depois.

Performances inesquecíveis de Robin Williams nas telonas.

"Robin Williams morreu nesta manhã. Ele estava lutando contra uma severa depressão ultimamente. Essa é uma perda trágica e repentina. A família pede respeitosamente para que sua privacidade seja respeitada enquanto faz o luto dele neste momento difícil", disse o comunicado oficial.

Famosos lamentam nas redes sociais a morte de Robin Williams

No último mês, ele havia se internado em uma clínica de reabilitação em Minnesota - Williams lutou contra o vício em álcool e cocaína no início da década de 80, mas estava sóbrio fazia 20 anos.

Relembre as capas da Rolling Stone EUA estampadas por Robin Williams.

“Esta manhã, perdi meu marido e meu melhor amigo, enquanto o mundo perdeu um ser humano lindo e um de seus artistas mais amados”, disse Susan Schneider, esposa de Williams. “Meu coração está partido. Eu e nossa família estamos pedindo privacidade durante este momento de luto profundo. À medida que ele for lembrado, esperamos que o foco não seja na morte de Robin, mas nos inúmeros momentos de felicidade que ele deu a milhares de pessoas.”

Oscar: relembre os discursos mais marcantes da história da premiação. Robin Williams está entre eles.

O ator venceu o Oscar em 1998 por Gênio Indomável. Ele também foi indicado pela performance em O Pescador de Ilusões, Sociedade dos Poetas Mortos e Bom Dia Vietnã, em 1991, 1989 e 1987, respectivamente. Ele ainda foi eleito o homem “mais engraçado” pela revista Entertainment Weekly, em 1997.

Williams havia concordado em reprisar o papel de Senhora Doubtfire em Uma Babá Quase Perfeita 2, que estrearia em 2015. No último ano, Williams tinha estrelado uma série própria, The Crazy Ones, que foi cancelada após uma temporada, somente.

Williams deixa três filhos: Zachary Pym, 31; Zelda Rae, 25; e Cody Alan, 22. A última postagem do ator nas redes sociais foi uma foto com a filha, Zelda, no aniversário de 25 anos dela; veja: