Morre o baixista Donald "Duck" Dunn, do Booker T. & the M.G.’s

Ele estava com 70 anos e morreu enquanto dormia em Tóquio, onde estava em turnê com o M.G.’s

Redação Publicado em 13/05/2012, às 11h39 - Atualizado às 12h11

Booker T. & the M.G.'s
AP

Morreu aos 70 anos Donald "Duck" Dunn, que tocava baixo no grupo Booker T. & the M.G.'s (que aparece na foto ao lado - Dunn é o de chapéu). Ele morreu em Tóquio, enquanto dormia, foi encontrado na manhã do domingo, 13. Dunn estava na cidade porque o M.G.’s fez dois shows lá no último sábado, 12. O grupo era a banda de apoio da Stax Records, especializada em soul, gospel e blues. As informações são do site do semanário NME.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

Nascido em Memphis em 1941, Dunn ganhou o apelido Duck do pai, com quem via os desenhos do Pato Donald. Começou a carreira de baixista aos 16 anos. Em 1962, se juntou ao Booker T. & the M.G.'s. Além de nas faixas do grupo, seu trabalho pode ser ouvido nas canções “Respect”, de Otis Redding, e “Born Under A Bad Sign”, de Albert King.

Em diversos momentos da carreira, Dunn fez parcerias com grandes nomes, como Neil Young, Eric Clapton e Rod Stewart. O músico interpretou ele mesmo em 1980 no filme Os Irmãos Cara de Pau e, depois, na continuação Os Irmãos Cara de Pau (1998).

O Booker T. & the M.G.'s entrou para o Hall da Fama do Rock em 1992 e Dunn foi agraciado com um Grammy especial pelo conjunto da obra em 2007.