Morre o jornalista Ruy Mesquita

O diretor do jornal O Estado de S. Paulo tinha 88 anos e estava com câncer

Redação Publicado em 22/05/2013, às 08h54 - Atualizado às 12h27

Morreu na noite da ultima terça, 21, o jornalista Ruy Mesquita, diretor do jornal O Estado de S. Paulo. Ele tinha sido internado no dia 25 do mês passado no Hospital Sírio-Libanês, na capital paulista, e se tratava de um câncer na base da língua. Ele chegou a passar por uma cirurgia, mas os médicos não tiveram sucesso em conter o avanço da doença.

Ruy Mesquita estava com 88 anos e se mantinha ativo dentro da publicação até o momento quando foi internado. Ele fez parte da terceira geração de uma das famílias mais importantes do jornalismo brasileiro e passou mais de 60 anos sendo um dos homens no comando do Estadão. Nos últimos anos, desde a morte do irmão Julio de Mesquita Neto, em 1996, se reunia todos os dias com a equipe do jornal e assinava os editoriais.

Dr. Ruy, como era conhecido, deixa a esposa, Laura Maria Sampaio Lara Mesquita, quatro filhos - Ruy, Fernão, Rodrigo e João - 12 netos e um bisneto. O velório está sendo realizado na casa da família, no Pacaembu, zona oeste de São Paulo, e o corpo será enterrado às 15h no Cemitério da Consolação.