Pulse

Morre Terry O’Neill, fotógrafo lendário que trabalhou com Beatles e David Bowie, aos 81 anos

O artista britânico também já havia fotografado os Rolling Stones, Amy Winehouse e até Audrey Hepburn

Redação Publicado em 17/11/2019, às 17h41

None
Terry O’Neill (Foto: GTRES/AP Images)

Terence "Terry" Patrick O’Neill, fotógrafo responsável por documentar momentos de auge da cultura dos anos 1960 morreu aos 81 anos. Há algum tempo, o artista havia sido diagnosticado com câncer de próstata.

Após confirmar a notícia, uma representante da empresa Iconic Images, responsável pelo arquivo histórico de O’Neill, escreveu em um comunicado oficial que "qualquer um que tenha tido a sorte de conhecer ou trabalhar com o ele pode confirmar o tamanho da generosidade e modéstia dele".

Em seguida, descreve-o, com propriedade, como "um dos fotógrafos mais icônicos dos últimos 60 anos, as fotos lendárias que ele tirou vão ficar para sempre gravadas nas nossas memórias, assim como em nossos corações e mentes".

O’Neill havia trabalhado de perto com ninguém menos que os Beatles e os Rolling Stones, além de ter também fotografado figuras históricas como Audrey HepburnWinston Churchill, Frank Sinatra, Amy Winehouse e Elton John.

Em outubro deste ano, foi condecorado CBE, Commander of the Order of the British Empire, e recebeu a honraria britânica no Palácio de Buckingham, diretamente das mãos do Príncipe William, o Duque de Cambridge.