Uma fã morreu e outros 19 ficaram feridos antes do show do Linkin Park

Torre de publicidade temporária cede antes da apresentação da banda em Cape Town, na África do Sul

Redação Publicado em 08/11/2012, às 13h14 - Atualizado às 14h59

Linkin Park encontrou um público devoto, mas exigente, e decidiu fazer apresentação contida que agradou os fãs
Rafael Koch Rossi / Divulgação

Uma torre de publicidade temporária montada no estacionamento do estádio Green Point, em Cape Town, África do Sul, cedeu minutos antes da apresentação do Linkin Park e causando a morte de uma mulher e ferindo outros 19 fãs.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

A torre foi derrubada pelas fortes rajadas de vento. A banda, sem saber do acidente, seguiu e se apresentou normalmente no local, só sendo avisada depois.

O grupo liderado por Chester Bennington escreveu na sua página oficial do Facebook para prestar homenagens às vítimas (leia abaixo). O grupo segue em turnê pela África do Sul, com uma parada em Johannesburgo, neste fim de semana, antes de voltar para os Estados Unidos.

Leia a declaração da banda abaixo::

“Na sequência da nossa performance nesta noite no estádio de Cape Town, nós fomos informados de que várias pessoas se machucaram após a queda de uma torre subida pela [marca de bebidas] Lucozade, no estacionamento do lado de fora.

Nós gostaríamos de expressar nossa mais profunda tristeza e preocupação com aqueles machucados e condolências do fundo dos nossos corações para a família da fã que morreu após os inúmeros ferimentos.

Apesar de não termos nenhuma relação com o patrocinador ou responsabilidade em construir essas estruturas, nós levamos a saúde dos nossos fãs com muita seriedade e nossos pensamentos estão com aqueles que foram atingidos por essa tragédia."