Morre Vida Alves, atriz que deu o primeiro beijo na TV brasileira, aos 88 anos

Ela estava internada desde a última quarta, 28, e sofreu falência múltipla dos órgãos

Redação Publicado em 04/01/2017, às 11h59 - Atualizado às 12h28

Wálter Forster e Vida Alves na novela Sua Vida Me Pertence, de 1951. Os dois protagonizaram o primeiro beijo da história da TV brasileira.
Divulgação

Morreu na última terça, 3, a atriz Vida Alves. Ela estava internada desde a última quarta, 28, e sofreu falência múltipla dos órgãos. Vida Alves tinha 88 anos.

A atriz tornou-se notória por protagonizar o primeiro beijo na TV brasileira com o ator Wálter Forster, na novela Sua Vida Me Pertence. A cena aconteceu em 1951 e foi exibida pela Rede Tupi. Vida também deu o primeiro beijo gay da televisão em 1963, no episódio “Calúnia” do programa TV de Vanguarda, junto da atriz Geórgia Gomide.

A neta de Vida, a cantora Tiê, lamentou a morte da avó nas redes sociais: "Dona Vida Alves fez a passagem. Minha amiga, minha avó, minha parceira, minha musa beijoqueira. 88 anos de muita luz, amor, arte e vida. Vire estrela e descanse em paz. Te amo pra sempre e vou sentir saudades todos os dias", ela escreveu.

Outras novelas que contaram com Vida no elenco são A mão de Deus, A Estranha Clementine, O Mestiço e A Outra. A atriz também trabalhou em rádio, destacando-se nas radionovelas e na apresentação de Jogo do Som, ao lado de Carlos Lemos.

Vida lançou o livro Televisão Brasileira: O Primeiro Beijo e Outras Curiosidades em 2014. O velório acontece nesta quarta, 4, no cemitério do Araçá, em São Paulo.