Morrissey diz que inventou a 'condição de ser cancelado'

'Você não pode cancelar alguém que sempre foi cancelado', afirmou Morrissey sobre ser cancelado

Itaici Brunetti Publicado em 07/07/2021, às 13h52

None
Morrissey (Foto: Marco Ugarte / AP Photo)

Há alguns anos, Morrisseyresolveu abrir a boca com declarações polêmicas - seja elas a favor do Brexit, indo contra as medidas de segurança contra a Covid-19 no Reino Unido e comparando a sociedade pandêmica com escravidão, entre outras - e isso o fez ser "cancelado" por boa parte de seus fãs (e não fãs também). 

No entanto, em recente entrevista com o seu sobrinho, Sam EstyRayner, para o seu site oficial, Morrisseydisse que não pode ser cancelado, pois ele sempre esteve cancelado. E tem mais: o ex-TheSmiths afirmou que "sem querer inventou a condição de ser cancelado."

+++ LEIA MAIS: Morrissey compara sociedade na pandemia com escravidão: ‘Governo age como imperador chinês'

"Você não pode cancelar alguém que sempre foi cancelado.", pontuou Morrisseyna rara entrevista, e explicou: "Quando foi a última vez que você me viu na televisão ou me ouviu no rádio? Eu inventei sem querer a condição de ser cancelado."

Em 2019, o músico enfrentou o cancelamento dos fãs após usar um distintivo com o logotipo do partido político anti-islã de extrema direita da Grã-Bretanha durante uma aparição na TV. 

A apresentação fez com que os cartazes espalhados pelas estações de metrô e trem Merseyrail de seu então novo álbum, California Son, fossem removidos. Além disso, sua música foi banida das lojas de discos mais antigas do mundo em meio a outras críticas. 

+++ LEIA MAIS: Morrissey não gostou de estar nos Simpsons: ‘São ofensivos e racistas’

As informações são da NME


+++ OS 5 DISCOS ESSENCIAIS DE BOB DYLAN | ROLLING STONE BRASIL