Morte de Arrow original seria inspiração para o surgimento do Batman, revela co-criador da série

Marc Guggenheim afirmou que o destino do Arqueiro Verde já estava decidido - mas a ideia inicial não funcionou por diversos motivos

Redação Publicado em 27/03/2020, às 12h53

None
Stephen Amell como Oliver Queen em Arrow (Foto: Reprodução)

Co-criador da série Arrow, Marc Guggenheim planejava terminar a série com a morte de Oliver Queen (Stephen Amell) e, assim, introduzir outro personagem importante da DC: o Batman. 

+++LEIA MAIS: Crise nas Infinitas Terras: Brandon Routh, o Superman de 2006, teve apenas uma condição para retornar ao papel na série

Conversando com o Fake Nerd Podcast (Via Cbr.com), Guggenheim falou sobre as ideias iniciais para o final de Arrow. Ele, particularmente, queria que o último episódio da série sugerisse que o Arqueiro Verde inspirou Batman a se tornar um vigilante. Contudo, isso não funcionou por diversos motivos, como a estreia de Batwoman no Universo Arrow

“Vou contar como planejei o final. Você verá como seria diferente e por que seria diferente. Eu sempre vi o programa terminando com a morte de Oliver”, explicou o autor. “Então, eu meio que tive a fantasia de que Oliver morreria e as notícias falariam sobre o legado que ele deixou.”

“E depois o público veria este telhado [na cidade de Gotham] e, no corte, um bandido colidiria com o quadro, sendo socado para fora da tela”, continuou ele. “E um par de botas pretas cairia bem na frente dele e havia uma capa esvoaçante, com uma voz dizendo algo como: 'Oliver Queen inspirou toda uma nova geração de vigilantes' (...) Essa foi a minha concepção original.”

+++ LEIA MAIS: Crise nas Infinitas Terras chega ao fim: O que deu (muito) certo e o que deu (muito) errado no crossover da DC

Em 2018, o Universo Arrow apresentou Batwoman no crossover de Elseworlds, e, naquele momento, Batman já estava desaparecido há anos. Isso tornou impossível o final original de Guggenheim, pois Bruce Wayne não poderia ser inspirado a se tornar um vigilante sendo que ele já havia inspirado sua prima Kate Kane a fazer o mesmo.

Além do mais, o crossover em Crise nas Infinitas Terras adiantou a morte de Oliver, que sacrificou a própria vida para salvar o multiverso. Os dois episódios seguintes examinaram o legado dele e mostraram como ele inspirou sua filha, Mia, a se tornar uma heroína.

+++LEIA MAIS: O que o crossover Crise nas Infinitas Terras mudou no Arrowverse e a DC na TV [LISTA]

 


+++ CORONAVÍRUS: DEVEMOS REALMENTE CANCELAR SHOWS E EVENTOS?