"A Música Não Para" é o lema do VMB 2011

Premiação acontece no dia 20 de outubro; júri especializado foi criado para eleger os vencedores e haverá uso simultâneo de quatro estúdios na transmissão

Bruno Raphael Publicado em 04/10/2011, às 15h09 - Atualizado às 16h27

Bento Ribeiro e Marcelo Adnet
Rafael Martinelli/Divulgação

Entre as maiores novidades anunciadas nesta terça, 4, para o VMB 2011, as palavras que talvez melhor resumam a proposta da premiação este ano estejam no slogan criado para a festa e parafraseado pela cantora Tulipa Ruiz, no vídeo exibido durante a coletiva nos Estúdios Quanta: "A música não para. E não separa", diz a cantora.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

Se baseando em sugestões do público surgidas nas redes sociais, a MTV resolveu aumentar a abrangência de gêneros musicais este ano e, consequentemente, se distanciar um pouco do pop radiofônico que marcou o VMB nos últimos anos. "O VMB para nós é a materialização da estratégia que nós desenhamos para a MTV em 2011", revelou a diretora geral do canal, Helena Bagnoli. "Divulgar a cultura jovem tendo na música o pilar principal e trazer de volta a música de melhor qualidade".

Tal decisão levou a emissora a acabar com as categorias que recebiam nomes de gêneros e a criar um júri que nomeou de "academia VMB": 104 nomes da mídia especializada, apresentadores e artistas que escolherão os grandes vencedores do ano em sete categorias (melhor disco, música, capa, revelação, aposta, clipe e artista do ano). No entanto, o público continua a participar da votação em quatro categorias (webclipe, webhit, hit do ano e artista do ano). "É uma surpresa [ser indicado]", disse à Rolling Stone Brasil o rapper Criolo, indicado em cinco das seis categorias da academia VMB, incluindo artista do ano. "Pra todo mundo é [importante], né. Como é para um professor que dedica sua vida aos seus alunos ou pra um artesão que faz com carinho suas peças."

A exibição de imagens de quatro palcos simultâneos durante a festa, sendo um deles o VMB B, exclusivo para a internet, promete tornar o nível de interação tanto com o público da TV quanto o da internet muito maior. Apresentado pelo humorista Bento Ribeiro, o VMB B será uma versão alternativa da festa principal, baseando-se no humor e na possibilidade de interação com o público da web. "Todo mundo que não ganhar vai passar por lá. A gente vai ter coisas diferentes: anões, rinhas de cachorro e senhoras idosas, também", brincou o comediante. "Assista ao VMB B, se você não tiver TV em casa. Mas isso não é aconselhável". Os outros estúdios transmitirão a festa do VMB, a pista de dança e, é claro, o palco principal, onde ocorrerá a premiação.

O multifacetado Marcelo Adnet ficará a cargo de apresentar pela terceira vez seguida o evento. Prosseguindo com o discurso de mudança na premiação, Adnet destacou o fato de que, por muitos anos, os vencedores do VMB foram os mesmos pelo número de fãs de determinada banda ou artista. "Os mais novos ficam na frente do computador o tempo todo e alguém tem o maior fã-clube, isso encheu o nosso saco", ponderou o humorista. "Esse VMB privilegia quem faz a música brasileira acontecer."

Com sete shows que acontecerão em três estúdios, o VMB 2011 frisa ainda mais sua pluralidade com mais de 40 artistas convidados para se apresentar. Nomes como Caetano Veloso, Criolo, D2, Arnaldo Antunes, Marcelo Jeneci, Emicida, Marcelo Camelo, Mallu Magalhães e Tulipa Ruiz já tem presença garantida. O produtor musical Miranda, responsável pela direção geral, ao lado de Lilian Amarante, manteve o tom de mistério sobre o que devem aguardar os telespectadores, na noite do dia 20 de outubro. "O número de abertura é um número bombástico, que eu não vou contar pra ninguém", disse o produtor. "Quer dizer: se der um problema, vai ser logo na abertura! [risos] E não vai dar."

O Video Music Brasil 2011 terá início às 22h do dia 20 de outubro, mas a emissora já começa a transmissão da premiação às 14h, com o Acesso VMB, apresentado pela VJ MariMoon e Thunderbird. Às 21h, Didi e Jana Rosa transmitem ao vivo do tapete vermelho da festa o Aquecimento VMB, com o músico e VJ China e a modelo Ellen Jabour conversando com artistas nos bastidores. Após a realização da premiação, que deve durar por volta de duas horas, o VMB Extra, apresentado por Cazé Peçanha e Caroline Ribeiro, fará uma transmissão ao vivo da festa.

Veja aqui a lista de indicados. Para votar, acesse o site oficial do VMB.