Músicos mortos aos 27 ganham exposição

Jim Morrison, Kurt Cobain, Janis Joplin e Hendrix são tema da Forever 27, em cartaz em Londres

Da redação Publicado em 22/08/2008, às 15h04 - Atualizado em 23/08/2008, às 20h46

Jimi Hendrix, morto em 1970 aos 27 anos, é um dos destaques da exposição fotográfica Forever 27

Ver Galeria
(8 imagens)

Está em cartaz na Proud Camden Gallery, em Londres, a mostra Forever 27, com fotos de músicos que morreram aos 27 anos. A exposição, com entrada gratuita, revela imagens de artistas como Kurt Cobain, Janis Joplin, Jim Morrison, Jimi Hendrix e Brian Jones, embora retrate mais de 30 celebridades diferentes.

VEJA ALGUMAS DAS FOTOS AQUI

Dos cinco eixos da Forever 27, apenas Kurt Cobain não viveu o rock nos anos 60 e 70.

O corpo de Brian Jones, guitarrista dos Rolling Stones, foi achado em uma piscina em 1969; Janis Joplin faleceu em outubro de 1970, possivelmente de overdose de heroína. Hendrix foi encontrado em um hotel engasgado com seu próprio vômito, em setembro do mesmo ano. Jim Morrison, líder do The Doors, foi encontrado na banheira de seu apartamento, em Paris, em 1971.

Além de todos terem morrido aos 27 anos, há outra coincidência entre os cinco músicos: todos participaram de momentos históricos do rock. De acordo com o anúncio oficial da Forever 27, a exposição examina o impacto da superexposição da vida destes músicos na mídia e arrisca analisar as causas de suas mortes.

A mostra fica em cartaz até 9 de novembro.