Neil Young já debochou de Michael Jackson e David Bowie por venderem músicas para comerciais; entenda

Em 1988, o músico fez um clipe repleto de críticas aos artistas e às marcas que representaram, o qual foi banido da MTV

Redação Publicado em 11/01/2021, às 12h37

None
Neil Young (Foto: Isabel Infantes/ AP)

Recentemente, Neil Young se juntou a Bob Dylan e decidiu vender parte dos direitos da discografia. Contudo, o artista nem sempre foi flexível sobre a questão de vender as próprias composições e já até debochou de Michael Jackson e David Bowie por usarem as canções deles em comerciais. 

De acordo com o Showbiz CheatSheet, Young era tão crítico ao movimento que compôs uma música para atacar os artistas que se renderam às propagandas nos anos 1980. 

Em “This Note’s For You” (1988), Young  escreveu: “Não vou cantar para Pepsi /Não vou cantar para a Coca / Não vou cantar para ninguém /Me faz parecer uma piada /Esse recado é para você”. 

+++ LEIA MAIS: Neil Young revira arquivos e anuncia mais três projetos inéditos

Os versos fazem referência às propagandas de Bowie e Jacksonpara a Pepsi, além de citar o comercial de Eric Clapton para uma marca de cerveja - o nome da canção, “This Note’s For You” também faz alusão à famosa frase da Budweiser, “This Bud’s For You”.

No clipe da canção, Young fez paródias dos comerciais e até incluiu o momento em que o cabelo de Jackson pegou fogo acidentalmente. Contudo, o vídeo não foi bem recebido e a MTV recusou exibi-lo. 

“Vocês se recusam a tocar ‘This Note’s For You’ porque têm medo de ofender seus patrocinadores. O que significa o ‘M’ em MTV: música ou dinheiro? - do inglês, ‘money’”, escreveu Youngem uma carta aberta após a gravadora dele afirmar que abriria um  processo contra a emissora.

+++ SIGA NOSSO SPOTIFY - conheça as melhores seleções musicais e novidades mais quentes


+++ CYNTHIA LUZ | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO | ROLLING STONE BRASIL