No Altas Horas, banda dos integrantes do Charlie Brown Jr. revela nova baixista e Champignon como vocal

Grupo A Banca contou à Rolling Stone Brasil que em 2013 deve fazer shows celebrando o legado de Chorão

Redação Publicado em 11/04/2013, às 17h46 - Atualizado às 18h04

A Banca
Murilo Moser/ Divulgação

Acontece na tarde desta quinta-feira, 11, a gravação do Altas Horas, da Rede Globo. O programa, que vai ar no próximo sábado, 13, tem entre os convidados os integrantes remanescentes do Charlie Brown Jr., que aproveitaram para falar sobre A Banca, banda que montaram após a morte de Chorão (a imagem acima, do logo do grupo, foi postada há poucas horas pelo baterista Bruno Graveto).

À edição deste mês da Rolling Stone Brasil, Marcão, Champignon, Thiago Castanho e Graveto revelaram que não haveria como continuar com o Charlie Brown sem Chorão. “A gente decidiu montar um grupo”, contou Champignon, “que vai se chamar A Banca. Para eternizar o Charlie Brown Jr. do jeito que ele foi: animando a galera, botando o bagulho pra baixo, fazendo tremer mesmo os shows” (veja a capa e leia mais aqui). Chorão foi encontrado morto em 6 de março, devido a uma overdose de cocaína.

Durante a gravação do Altas Horas, eles contaram ainda que Champignon assumirá os vocais d’A Banca. Quem cuidará do baixo é uma nova integrante, Lena Papini.

O Cobrador

Alexandre, filho único de Chorão, também participa do programa. Ele, que estuda cinema, contou que não pensa em ver a vida do pai nas telas, porque não consegue imaginar ninguém interpretando Chorão. No entanto, Alexandre pretende dar continuidade a O Cobrador, projeto de filme no qual o pai estava trabalhando. “Vocês ainda vão ver o rabisco dele por aí”, afirmou.

Exclusivo: veja fotos de Chorão ainda criança, com a família e amigos.