Novo disco do Radiohead é “uma obra de arte”, diz colaborador da banda

Artista visual Stanley Donwood está trabalhando na capa e design do aguardado próximo álbum do grupo britânico

Redação Publicado em 21/03/2016, às 17h06 - Atualizado às 17h23

Galeria - Sequências dispensáveis - Radiohead
Divulgação/Facebook oficial

Stanley Donwood, artista visual que há décadas colabora com o Radiohead, já ouviu o novo disco da banda e disse que o trabalho é uma “obra de arte”. O comentário foi feito ao site da DIY Mag, em entrevista publicada nesta segunda, 21.

Na mesma entrevista, Donwood afirmou que o álbum – sucessor de King of Limbs, ainda sem título ou data de lançamento revelados – não está pronto. Ele ainda sugeriu que a banda de Thom Yorke teria trabalhado no novo disco na França.

Donwood faz colaborações com o Radiohead desde antes do disco The Bends (1995), quando ele fez a arte da capa do single “My Iron Lung” (1994). O artista também confirmou que atualmente está produzindo o material gráfico para o próximo trabalho da banda.

Recentemente, o Radiohead publicou uma imagem inédita com o nome do grupo escrito em rosa no Facebook, e alguns fãs estão especulando que ela pode já ser a capa do próximo álbum. Até então, nada foi confirmado – e nem negado – pela banda.

Posted by Radiohead on Monday, 14 March 2016

O nono LP de estúdio do Radiohead é esperado para ser lançado ainda este ano. O grupo britânico já anunciou que participará do festival catalão Primavera Sound, em junho, além de diversas outras datas de turnê.

Recentemente, um usuário do Reddit descobriu que eles criaram uma empresa de publicações, a Dawn Chorus LLP. Thom Yorke usou a mesma estratégia para outros álbuns, como o In Rainbows, lançado pela Xurbia Xendles Ltd.

Mudando o método

Em fevereiro de 2015, Jonny Greenwood afirmou que o Radiohead “certamente mudou o método” para fazer próximo disco. “É muito difícil [de explicar como acontece]”, disse ele em entrevista ao The Sunday Guardian. “Estamos trabalhando com limites. É como se estivéssemos tentando usar coisas velhas e novas tecnologias para ver como fica.”

Greenwood ainda acrescentou que as gravações estariam indo “muito bem”. “Não tínhamos ouvido nada antes, então, estamos todos bem felizes”, comentou o guitarrista. “Agora, suponho que vamos ouvir o que fizemos e ver se estávamos corretos em ficar contentes. Mas deixamos as coisas em um bom estado da última vez que paramos.”

Veja abaixo a banda em estúdio, em imagem divulgada pelo produtor Nigel Godrich.