Pulse

Novo documentário de Scorsese explora cena musical de NY nos anos 1970

Diretor de O Irlandês, o cineasta já produziu Vinyl, série também sobre música

Redação Publicado em 28/11/2019, às 16h33 - Atualizado às 16h58

None
Martin Scorsese (Foto: Evan Agostini/ Invision/ AP)

Martin Scorsese, diretor de filmes como O Irlandês e Lobo de Wall Street, tem grande afinidade com a música dos anos 1970. Apesar de ter iniciado uma série sobre o assunto na HBO,Vinyl, a produção foi cancelada após a primeira temporada. No entanto, Scorsese tem uma nova chance de trazer sua afinidade com a cultura do período em documentário.

+++ LEIA MAIS: Martin Scorsese diz ser uma perda de tempo criar protagonistas mulheres

A nova produção de Scorsese foi possível após acordo com a Imagine Entertainment, produtora de cinema responsável por filmes como Apollo 13 e O Código Da Vinci. O documentário falará especificamente da cena musical em Nova York durante a década de 1970. 

O novo projeto do diretor pode alcançar maiores dimensões graças ao streaming, uma vez que a produtora Imagine Entertainment - líder do mercado de documentários -  está à procura de um distribuidor. Inicialmente, a empresa fez acordo com a Apple TV+, mas a aproximação de Scorsese com a Netflix (distribuidora dos últimos filmes do cineasta) faz a parceria também ser possível.

+++LEIA MAIS: Crítica se derrete por O Irlandês: "Mais uma grande conquista para Scorsese"

Antes do último lançamento de Scorsese, O Irlandês, o diretor trabalhou em Rolling Thunder Revue: A Bob Dylan story. O longa - um pseudo-documentário - fala sobre a turnê icônica do artista, feita em 1975.