O dia em que diretor de escola proibiu corte de cabelo dos Beatles: 'Parecem com idiotas'

Banda é considerada uma das maiores e mais influentes de todos os tempos

Redação Publicado em 18/11/2020, às 11h59

None
The Beatles (Foto: AP Images)

É bastante normal um artista impactar no visual das pessoas. Isso aconteceu com Elvis Presley (anos 1950), Beatles (1960) e até mesmo mais recentemente, na ascensão de Justin Bieber em 2010. No entanto, um diretor de escola chegou a proibir, há 53 anos atrás, alunos a terem cabelo inspirados no Fab Four.

No dia 17 de novembro de 1963, John Weightman, diretor da Surrey Grammar School, situada no Reino Unido, decidiu por um fim no impacto que John Lennon, Paul McCartney, George Harrison e Ringo Starr causavam nos jovens e proibiu corte de cabelo dos Beatles.

+++LEIA MAIS: Beatles não pagaram ao baterista de 'Love Me Do' nem o suficiente para ele comprar uma cópia do disco; entenda

Para Weightman, "esse estilo ridículo traz à tona o pior dos meninos fisicamente. Eles se parecem com idiotas."

Os Beatles ficaram juntos entre 1960 e 1970. Nesse período, o quarteto chegou a gravar 13 discos de estúdio e cinco ao vivo. Além disso, eles também lançaram 63 singles, 21 EPs, 15 boxes, 53 compilações e 64 vídeos.


+++ TOQUINHO: 'CADA COMPOSITOR TEM QUE BUSCAR A SUA VERDADE' | ENTREVISTA | ROLLING STONE BRASIL 

+++ SIGA NOSSO SPOTIFY - conheça as melhores seleções musicais e novidades mais quentes