O dia em que Elvis Presley tomou vacina na TV para incentivar fãs [FLASHBACK]

Cantor foi ao The Ed Sullivan Show apoiar vacinação contra poliomielite

Itaici Brunetti | @itaicibrunetti Publicado em 05/03/2021, às 12h16

None
Elvis Presley (Foto: Seymour Wally/ Getty Images)

Em tempos em que celebridades precisam incentivar - e convencer - pessoas a tomarem a vacina contra a Covid-19, vale relembrar que Elvis Presley fez o mesmo. O maior astro do rock foi à TV em 1956 para ser vacinado contra e poliomielite - ou simplesmente pólio.

De acordo com o site britânico Express, Elvis Presley  foi ao The Ed Sullivan Show implorar para que os fãs se vacinassem contra a poliomielite, vírus que vinha devastando a América nas décadas de 1940 e 1950, causando a morte de mais de 500 mil pessoas.

+++LEIA MAIS: Elvis Presley proibiu peixes em Graceland e comeu a mesma refeição por seis meses; entenda

Em 1956, Elvis rumava ao estrelato. O cantor tinha se tornado o maior sucesso com a música "Heartbreak Hotel" ao alcançar o nº 1 das paradas norte-americanas e os jovens só tinham olhos e ouvidos para ele. Ou seja, era a celebridade perfeita para endossar a campanha da vacina recém-criada contra poliomielite.

Então, no dia 28 de outubro daquele ano, o astro do rock apareceu no The Ed Sullivan Show, o programa de maior audiência dos EUA, para uma apresentação e, em seguida, ser vacinado na frente de milhares de telespectadores.

+++ SIGA NOSSO SPOTIFY - conheça as melhores seleções musicais e novidades mais quentes

"Olá, crianças. Posso falar com vocês por 30 segundos?", perguntou Elvis Presley durante o programa. "Se você acha que a poliomielite foi vencida, peço que me escute. Essa é a voz de milhares de pessoas que sabem que a luta contra a poliomielite é tão difícil quanto sempre foi", disse o cantor.

Após detalhar as lutas contra os preços das vacinas e apoiar uma campanha de arrecadação de fundos para vacinas infantis, Elvis foi vacinado na TV cercado de fotógrafos.

"Lembrem-se das vítimas da poliomielite e juntem-se à March of Dimes [organização sem fins lucrativos dos EUA que trabalha para melhorar a saúde de mães e bebês] em 1957", aconselhou o cantor após levar a picada da agulha no braço. 

+++LEIA MAIS: Alice Cooper recebe vacina contra Covid-19 e pede para as pessoas fazerem o mesmo

Leona Baumgartner, comissária de saúde da cidade que articulou a vacinação em Elvis Presley no evento histórico, afirmou: "Ele está dando um excelente exemplo para a juventude do país". 

Segundo informações da Scientific American, depois que Elvis Presley apareceu em público tomando a vacina - e inspirou outras celebridades a fazer o mesmo, a taxa de vacinação entre os jovens disparou em 80% em apenas seis meses, e o número anual de poliomielite nos EUA caiu de cerca de 58 mil casos para 5.600. 


+++ FBC E VHOOR REFLETEM SOBRE HIP-HOP: 'MÚSICA É PARA SER SENTIDA' | ENTREVISTA | ROLLING STONE BRASIL