O dia em que Tupac Shakur levou 5 tiros em assalto à mão armada - e sobreviveu

Depois do incidente, uma grande onda de violência acometeu o mundo do rap

Redação Publicado em 01/12/2020, às 11h46

None
Tupac Shakur (Foto: 1196591Globe Photos / MediaPunch / IPx)

Há 26 anos, numa quarta-feira, dia 30 de novembro de 1994, o jornal The New York Times relatou que Tupac Shakur levou cinco tiros durante um suposto assalto à mão armada.

+++LEIA MAIS: Jada Pinkett Smith recusou papel importante só para ser amiga de Tupac

O rapper de 23 anos e dois companheiros não identificados caminhavam pelo saguão do Quad Recording Studios, localizado no distrito de Manhattan, em Nova York, quando três homens se aproximaram, segundo o sargento James Coleman, porta-voz do Departamento de Polícia.

Durante a confusão, Shakur foi baleado cinco vezes: duas na cabeça, duas na virilha e uma na mão. Felizmente, deu tempo de chegar ao Bellevue Hospital Center, onde ficou em estado de alerta.

Não ficou claro por que os homens atiraram em Shakur e um de seus companheiros, que levou dois tiros no abdômen e foi encaminhado para o St Vincent's Hospital & Med. O outro amigo deles não ficou ferido.

Muitos anos depois, em 2011, a polícia de Nova York investigou o caso mais a fundo quando Dexter Isaac admitiu (via AllHipHop.com) ter roubado e atirado no rapper em troca de US$ 2,5 mil (o equivalente a R$ 13,2 mil). O mandante, segundo ele, seria o empresário James "Jimmy Henchman" Rosemond.

+++ LEIA MAIS: Rua no Brooklyn é nomeada em homenagem a Notorious BIG

Apesar de Shakur ter sobrevivido ao tiroteio, o incidente desencadeou uma grande onda de violência no mundo do rap, que acabou sendo fatal para ele e Notorious B.I.G.Shakur morreu dois anos depois, num crime até hoje não resolvido, e B.I.G. foi assassinado em 1997.


+++ SIGA NOSSO SPOTIFY - conheça as melhores seleções musicais e novidades mais quentes!


+++ FROID: 'QUERO CHEGAR A UM NÍVEL POPULAR' | ENTREVISTA | ROLLING STONE BRASIL