O dia que os Rolling Stones foram ‘censurados’ para tocar na TV dos EUA

A banda se apresentou no programa de televisão The Ed Sullivan Show em 1967, há exatos 52 anos

Redação Publicado em 15/01/2020, às 17h59 - Atualizado às 18h28

None
Rolling Stones (Foto: Greg Allen / Invision / AP / Shutterstock)

Há 52 anos, em 15 de janeiro de 1967, os Rolling Stones foram - pela 4ª vez - ao programa de televisão The Ed Sullivan Show. No entanto, a banda passou por momentos de frustração quando foram avisados que precisariam mudar a letra de "Let's Spend the Night Together". 

+++ LEIA MAIS: De Rolling Stones a Miles Davis: 10 discos icônicos que completam 50 anos em 2019

"Let's Spend the Night Together" (em português "Vamos passar a noite juntos"), precisou ser modificada para os ideais conservadores da época, já que um homem e uma mulher passarem a noite juntos era aparentemente uma ideia absurda para o público de televisão da década de 1960. 

A produção de Sullivan exigiu, antes da apresentação, que Mick Jagger modificasse a música. Apesar do músico ter protestado, a banda cedeu à pressão e mudou a letra para "Let's Spend Some time Together", em português, "Vamos passar algum tempo juntos".

+++ LEIA MAIS: Gene Simmons diz que Mick Jagger não daria conta de um show do Kiss: “Desmaiaria”

Como forma de protesto, toda vez que Jagger cantava a frase revirava os olhos. Assim, o músico deixou evidente que não era sua ideia mudar a letra da canção. 

Ao final de 1967, a equipe do apresentador Ed Sullivan pediu ao The Doors que modificasse a letra de "Light My Fire". No entanto, Jim Morrison se recusou a mudá-la, levando ao banimento da banda. 

+++ LEIA MAIS: Ronnie Wood explica por que os Rolling Stones são "simplesmente indestrutíveis"


+++ CORUJA BC1: 'FAÇO MÚSICA PARA SER ATEMPORAL E MATAR A MINHA PRÓPRIA MORTE'