O episódio banido de Arquivo X que deixou os atores e o público enjoados

Exibido apenas uma vez na Fox, em 1996, episódio segue um dos favoritos dos fãs

Redação Publicado em 03/11/2020, às 09h26

None
Arquivo X (Foto: Divulgação/Fox)

Arquivo X foi uma série de ficção científica de grande sucesso na Fox durante as 11 temporadas lançadas entre 1993 e 2018. Um episódio banido da produção deixou todo mundo - desde elenco até o público - enjoados, como lembra o CheatSheet.

A trama acompanha agentes especiais do FBI em investigação de casos inexplicáveis conhecidos como Arquivo X, apesar do governo não acreditar na veracidade desses relatórios. Os episódios com Monstros da Semana se tornaram um subgênero na série, por incluir fatos paranormais nas investigações criminais, e eram completamente independentes do arco original.

+++ LEIA MAIS: Análise - Arquivo X: a paranoia não é mais o que era antes

Mas no episódio “Home”, da quarta temporada, mostrou os agentes Dana Scully (Gillian Anderson) e Fox Mulder (David Duchovny) investigam a morte de um bebê com graves defeitos físicos. Os principais suspeitos são os Peacocks, uma família de fazendeiros deformados que não saem de casa há uma década - e descobrem um segredo de família terrível.

O episódio foi o único da série a receber um aviso de conteúdo gráfico. Apesar das críticas positivas, muitos telespectadores reclamaram da quantidade de violência exibida e os temas sensíveis abordados, como estupro, incesto e infanticídio. Por isso, o episódio foi banido e não voltou ao ar na Fox.

+++ LEIA MAIS: Stephen King escreveu episódio assustador de Arquivo X - que incluía boneca aterrorizante

Mesmo assim, “Home” segue como um dos favoritos dos fãs.  De acordo com o CheatSheet, os produtores tentaram fazer uma continuação, mas o canal vetou o projeto. "Esses personagens nunca vão aparecer novamente na televisão", foi a resposta. 


+++ XAMÃ: ‘SE VOCÊ NÃO SENTE NADA COM UMA MÚSICA, É PORQUE TEM ALGUMA COISA ERRADA' | ROLLING STONE BRASIL