"O Kiss é uma 'banda de rock de HQs'”, diz Steven Tyler, do Aerosmith

Tyler e Joe Perry criticam seus ex-colegas de turnê em entrevista

Rolling Stone EUA Publicado em 12/10/2012, às 16h01 - Atualizado às 18h40

Steven Tyler e Joe Perry
AP

Steven Tyler e Joe Perry, do Aerosmith, criticaram o Kiss em uma entrevista para a estação de rádio da Flórida The Bone, chamando seus ex-colegas de turnê de "banda de rock de HQ". Depois que o apresentador Cowhead expressou o quanto tinha ficado desapontado com o setlist do Kiss, quando a banda se apresentou com o Aerosmith "há alguns anos", Tyler começou a ridicularizar os roqueiros extravagantes. "O Kiss é uma banda de rock de HQ e eles têm alguns hits, mas são mais uma história em quadrinho.” Perry completou: “É um teatro”.

Crítica: saiba como foi o último show do Aerosmith em São Paulo.

"Nós sempre fomos uma banda que tinha algo a provar, sempre quisemos superar a banda que fosse e lembro que quando viajamos com o Kiss em 1976, ou algo assim, um dos nossos roadies entrou em uma briga de faca com um dos caras deles. Eu os odeio desde então", continuou Tyler. "É diferente um lick do Kiss e um lick de Joe Perry – são dois mundos diferentes –, e às vezes, dependendo do momento do dia, me ofendo. Eu escuto isso e penso ‘ah, é isso aí. Será que eles acham isso mesmo?’ Do que se trata tudo isso?’. É por isso que acho que o Aerosmith está por aí há tanto tempo, a gente realmente se leva a sério."

"São dois animais diferentes, eles tendem para o lado teatral e usaram o rock and roll como a trilha sonora deles. Para o Aerosmith, a música é nosso show”, acrescentou Perry. "Somos como maçãs e laranjas.”