O que esperar dos shows do Faith no More no Brasil

Banda se apresenta em São Paulo, em 24 de setembro, e sobe ao palco no Rock in Rio no dia seguinte

ROLLING STONE/OFERECIMENTO BUDWEISER Publicado em 18/09/2015, às 21h20 - Atualizado às 22h30

Faith No More - Curiosidades
Chris Pizzello/AP

Atração da edição brasileira de 2015 do Rock in Rio, o Faith No More também tocará em São Paulo na próxima quinta, 24. O show acontecerá no Espaço das Américas. Esta será a sexta passagem da banda pelo Brasil. As duas primeiras foram em 1991, com seis apresentações no total. A banda voltou em 1995, depois em 2009 e, pela última vez, em 2011, contabilizando shows em eventos como o Monsters of Rock, SWU e no próprio Rock in Rio. No festival carioca, o Faith No More dividirá o line-up do Palco Mundo com Slipknot, Mastodon e De La Tierra.

Galeria: dez maneiras inusitadas de se lançar um disco

O grupo californiano lançou em maio o álbum Sol Invictus, primeiro da banda em 18 anos. As dez faixas foram produzidas pelo baixista Bill Gould e gravadas no estúdio da banda, o Koolarrow, com alguns vocais de Mike Patton registrados no Vulcan Studios, também na Califórnia.

Sol Invictus: novo disco do Faith No More chega às lojas em maio; veja a tracklist

SI deverá ser o foco da apresentação do FNM por aqui. Na primeira performance que a banda fez na América da Sul esta semana (em Alajuela, na Costa Rica), não faltaram hits como “We Care a Lot”, “Epic” e a cover do Commodores “Easy”, mas o show teve bastante espaço para as músicas do novo disco, como “Black Friday” e “Motherfucker”. Nesta sexta, 18, o mesmo deverá se repetir em Bogotá, na Colômbia.

Cinco clipes para aquecer para os shows do Faith No More no Brasil.

Em entrevista para a Rolling Stone EUA, este ano, os integrantes contaram que a decisão de voltar com a banda não foi fácil. O grupo enfrentou muitas brigas ao longo de sua trajetória. “Quando éramos problemáticos, nós nos separamos”, conta o baixista, Billy Gould. “Olhar para trás e pensar ‘Bom, fui um babaca na época. Se tivesse me comportado diferente, como poderia ter sido?’... Na verdade, esse lado tem valido a pena.”

A primeira reunião não oficial do FNM começou no fim de 2008, logo antes da votação de uma proposta que proibia o casamento gay na Califórnia. Encorajado pelo movimento para impedir a aprovação da lei, o tecladista, Roddy Bottum, se casou com o namorado, com Mike Patton e o baterista, Mike Bordin, entre os convidados. A partir daí, uma convivência maior levou a ensaios e aos primeiros shows, em uma excursão que fez uma parada no Brasil em 2009, conforme foi citado acima. Depois de mais uma pausa, a banda voltou a se juntar e, em 2014, começou a trabalhar em Sol Invictus. “Não havia nuvens negras pairando”, conta Patton. “Gravei os vocais em casa, de pijama”, contou ele, que ainda faz performances tão intensas quanto antigamente e deverá trazer toda essa energia para o Brasil.

Faith No More no Brasil

São Paulo

24 de setembro (quinta-feira)

Espaço das Américas – Rua Tagipuru, 795 – Barra Funda, São Paulo, SP

Rio de Janeiro

25 de setembro (sexta-feira)

Rock in Rio – Palco Mundo