Os 7 solos de guitarra mais incríveis de Eric Clapton

O guitarrista, considerado um dos melhores de todos os tempos, completa 75 anos nesta segunda, 30 de março

Redação Publicado em 30/03/2020, às 15h46

None
Eric Clapton em cena do trailer do documentário Life in 12 Bars (Foto: Reprodução / YouTube)

Eric Clapton nasceu há 75 anos, em 30 de março de 1945. Atualmente, o músico é considerado um dos melhores guitarristas de todos os tempos - e um dos motivos está ligado às habilidades dele como guitarrista.

+++ LEIA MAIS: Como a morte do filho de 4 anos de Eric Clapton criou um dos maiores sucessos do músico?

Eclético, Clapton consegue migrar do blues ao rock e pop sem dificuldades. Na guitarra, ele é praticamente invencível - e os solos no instrumento, brilhantes. Eleito em 2011 pela Rolling Stone EUA como o 2º maior guitarrista de todos os tempos, Clapton tem habilidades inquestionáveis.

Para mostrar o talento de Eric Clapton, a Far Out Magazine separou os 7 solos de guitarra mais incríveis do músico; confira: 

+++ LEIA MAIS: 6 polêmicas de ícones do rock que ninguém fala sobre: de Eric Clapton racista a Bowie fascista

“Have You Heard” – John Mayall & the Bluesbreakers

Na época integrante do John Mayall & the Bluesbreakers, Eric Clapton fez um show ao som do blues com o modelo Les Paul, da Gibson


“Spoonful” – Cream

O solo de Clapton com o supergrupo Cream começa às 2:23 e apresenta uma virada extraordinária do alegre ao sombrio.  

+++ LEIA MAIS: Há 51 anos, Eric Clapton reunia-se aos Beatles para gravar 


“Why Does Love Got To Be So Sad” – Derek & the Dominos

Eric Clapton performou um solo icônico na canção da banda Derek and the Dominos, a qual ele fundou.


“Layla” – Derek & The Dominos

A música de sete minutos é uma das canções de guitarra mais memoráveis, principalmente pelas seis faixas de guitarra e o solo duplo de Clapton e Duane Allman.

+++ LEIA MAIS: Encontro de gigantes: Roger Waters, Eric Clapton e Ronnie Wood tocam juntos; assista


“While My Guitar Gently Weeps” – The Beatles

Apesar do habilidoso guitarrista George Harrison, a música dos Beatles contou com o trabalho de Eric Clapton - e não poderia ficar melhor. A guitarra lenta, melancólica, trêmula e lamentável, é uma mistura icônica e representa o talento do músico.


“White Room” – Cream

A intensidade de Clapton na canção é indiscutível, e os fluxos psicodélicos completam uma viagem muito interessante. 

+++ LEIA MAIS: De Jimi Hendrix a Prince: Conheça 7 guitarras icônicas na história da música [LISTA]


“Crossroads” – Cream

Testemunho evidente do talento de Clapton, a versão de “Crossroads” é uma das mais explicativas em relação às habilidades do músico.



+++ TRAVIS SCOTT: O HYPE EM TORNO DELE REALMENTE FAZ SENTIDO?