Os 5 maiores erros de Geralt em The Witcher: de ir ao banquete ao último desejo do Djinn

A série estreou na Netflix em dezembro de 2019

Redação Publicado em 25/04/2020, às 16h00

None
Henry Cavill como Geralt de Rívia (Foto: Reprodução/Netflix)

The Witcher foi um dos maiores lançamentos da Netflixem 2019. A série conquistou diveros fãs pelo mundo inteiro, que aguardam cada vez mais a segunda temporada. O primeiro ano, do programa foi bastante focado em Geralt, interpretado por Henry Cavill, bastante querido pelo público. No entanto, o personagem cometeu diversos erros durante a trama.

Como ele é um bruxo e caçador de recompensas, é normal que ele tome diversas decisões pelas jornadas e missões, e algumas delas (ou seriam muitas?) acabam por ser grandes erros. De ir ao banquete ao desejo do Djinn, são dois dos 5 maiores erros de Geralt em The Witcher, segundo o Screen Rant.

+++LEIA MAIS: Como foi o acidente que fez com que John Reinke, de Máfia dos Tigres, perdesse as pernas

Foi ao banquete de Cintra

Em determinado momento, Jaskier chama Geralt para acompanhá-lo em um banquete em homenagem ao casamento da princesa de Cintra. O bruxo seria o guarda-costas do artista, porque ele era amante de diversas esposas de nobres, que queriam matar o bardo por isso.

No entanto, tudo dá errado. Geralt chamou a atenção da rainha de Cintra e depois se envolveu com a política do reino, depois que um cavaleiro misterioso aparece declarando que ele tem o direito de se casar com a princesa devido à Lei da Surpresa.

Depois de ajudar o homem desconhecido, o bruxo recebe uma recompensa. Ele decide ser pago com a Lei da Surpresa, e o destino dele é mudado para sempre.


"O começo do fim"

O primeiro episódio de The Witcher, intitulado "O começo do fim" mostra uma linha do tempo que envolve a queda de Cintra e Ciri, enquanto ela é perseguida por nilfgaardianos (futuro) enquanto uma outra linha do tempo mostra as aventuras de Geralt nos anos que antecederam isso.

No capítulo, Geralt visita a pequena cidade de Blaviken, onde se vê em um conflito entre o mago Stregobor e uma mulher chamada Renfri, enquanto os dois tentam se matar - e recrutar a ajuda do bruxo.

As tentativas do bruxo de acabar com esse conflito fracassam tanto, que depois disso Geralt passa a ser conhecido como Açougueiro de Blaviken.

+++LEIA MAIS: Como foi a real luta entre Bruce Lee e um dublê - e foi bem diferente da mostrada em Era uma Vez Em Hollywood, com Brad Pitt


Deixou Jaskier acompanhá-lo

Quando Jaskier conhece Geralt em uma taverna, nenhum dos dois futuros companheiros de jornada são famosos no mundo de The Witcher. Jaskier toca uma música em que tenta rimar "poção" com "aborto", resultado: os clientes da tavernas jogam comida nele - que vira a refeição dele.

No entanto, JaskierGeralt meditando no canto, ele se aproxima, se apresenta e depois acompanha o bruxo para ajudar a matar um demônio que aterroriza os agricultores locais.

Com esse tempo juntos, Jaskier compõe a música "Toss A Coin To Your Witcher", que torna Geralt famoso. Mas a fama vem com um custo. Quando confrontado pela desrespeitosa falta de honestidade na música, o cantor responde "o respeito não faz história".

Talvez tenha sido melhor para Geralt manter o anonimato.


Abandonou o próprio destino

Lembra do momento no banquete? Então, no instante em que Geralt diz que aceitará a Lei da Surpresa como pagamento, a princesa de Cintra revela que está grávida. A "recompensa" do bruxo é a criança, chamada Ciri.

Geralt não tem interesse em cuidar de uma criança, então vira as costas para essa responsabilidade e recusa o próprio destino, fator principal da Lei da Surpresa. Como era de se esperar, caos e tragédia acontecem em Cintra. Quando ele tenta mudar de idéia, a rainha de Cintra o impede. Pouco depois, Cintra cai para Nilfgaard.

+++LEIA MAIS: Ludmilla cai na piscina enquanto canta música de Manu Gavassi em live


Último desejo do Djinn

O primeiro livro de The Witcher se chama "The Last Wish" ("O Último Desejo", em português). O livro leva esse nome porque Geralt precisou lidar com um Djinn (espécie de gênio da lâmpada). O momento se situa no episódio "Desejos reprimidos".

De acordo com as tradições das histórias de Djinn, Geralt recebe três desejos. Logo no último desejo, ele pede pela vinculação destino dele com Yennefer, o que garante deles continuarem a se encontrar algumas vezes.

Se ele tivesse ficado com Yennefer ou ela com ele naturalmente, eles seriam capazes de amar um ao outro sem o sofrimento causado por forçar um relacionamento através da alteração do destino. Se Geralt escutasse as sábias palavras de Xande de Pilares, ele ficaria com com a bruxa para sempre.


+++ RUBEL | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO | ROLLING STONE BRASIL