Oscar 2021: 3 motivos para assistir (e 3 para não assistir) Promising Young Woman [LISTA]

Longa dirigido e roteirizado por Emerald Fennel é um alerta e uma crítica aos comportamentos masculinos e abusivos

Gabriela Piva | @gabriela_piva (sob supervisão de Yolanda Reis) Publicado em 21/03/2021, às 13h00

None
Carey Mulligan em Promising Young Woman. (Foto: Divulgação/IMDb)

Aposta da crítica especializada de 2021, Promising Young Woman tem tudo para fazer sucesso: história, representatividade e qualidade - em quase tudo. O filme recebeu indicações ao Oscar 2021 eGlobo de Ouro, mas venceu Critics' Choice Award, AACTA International Award e Satellite Award até o momento. 

Dirigida e roteirizada por Emerald Fennel, mistura de comédia e thriller acompanha a vingança de Cassie (Carey Mulligan) contra assediadores e abusadores. A fotografia, as cores e os enquadramentos por onde o cenário passa também são dignos de nota. 

+++ LEIA MAIS: Oscar 2021: Judas e o Messias Negro é o primeiro filme produzido inteiramente por negros e indicado a Melhor Filme

Apesar da qualidade e das indicações, o início do filme pode ser muito cansativo. Abaixo, confira motivos para assistir (e para não assistir) Promising Young Woman:

+++ SIGA NOSSO SPOTIFY - conheça as melhores seleções musicais e novidades mais quentes


Para assistir: roteiro (parte final)

Indicado ao Oscar e Globo de Ouro, a reviravolta final da história é espetacular. Depois de um começo lento, o enredo pega o espectador de surpresa. 

Com humor, os últimos 30 minutos do filme também chocam: é quando se entende o porquê Promising Young Woman mistura comédia e terror. 

+++ LEIA MAIS: Pantera Negra 2 sem Chadwick Boseman é ‘muito estranho’, diz Martin Freeman


Para não assistir: roteiro (parte inicial)

O problema do roteiro é animar com a história apenas no fim. Isso porque o começo é quase parado, vago, entediante e parece até raso. 

Promising Young Womaninicia sem contar direito por que Cassie persegue homens. Ela seria uma psicopata? Faria isso por livre e espontânea vontade? Ou teria outro motivo? Algo teria acontecido com ela ou alguma conhecida? Depois das perguntas respondidas, percebe-se o problema na construção inicial do suspense ao redor da protagonista.

+++ LEIA MAIS: Todos os indicados a Melhor Filme do Oscar 2021, do pior ao melhor: de Nomadland a Os 7 de Chicago [LISTA]


Para assistir: cinematografia 

Se existe encanto desde o começo do filme, com certeza é por conta da fotografia. Os enquadramentos e as cores - a combinação de tons pasteis de rosa e azul é muito utilizada no decorrer do filme. 

O responsável por isso é Benjamin Kracun, criador de Beast (2017) e Beats (2019).

+++ LEIA MAIS: Oscar acontecerá com plateia limitada e sem eventos adicionais


Para não assistir: conteúdo sensível

Caso o espectador seja sensível aos assuntos de assédio e violência sexual, não é recomendado assistir Promising Young Woman

Ambientada no abuso, a história é uma crítica ao comportamento masculino. Apesar do humor, pode acionar gatilhos em quem se identificar com o roteiro. 

+++ LEIA MAIS: Oscar 2021: Anthony Hopkins bate recorde e se torna o mais velho indicado a Melhor Ator


Para assistir: representatividade

Promising Young Womané um filme feito por mulheres e para mulheres. A história foi dirigida e contada por Emerald Fennel como um alerta. 

A protagonista do filme também é de uma mulher: Carey Mulligan, inclusive, recebeu indicações ao Globo de Ouroe Oscar pelo papel. Outro destaque da obra é a personagem de Laverne Cox (Gail). 

+++ LEIA MAIS: Tudo o que sabemos sobre Amor e Monstros, estrelado por Dylan O'Brien e indicado ao Oscar 2021: lançamento, trailer e mais


Para não assistir: elenco

Contrapondo as atuações de Carey Mulligan e Laverne Cox, os papeis masculinos, assim como o resto do elenco, é fraco.

Por exemplo, a atuação do namorado de Cassie, Ryan (Bo Burnham), soa mais como a leitura fria de um script. Nem mesmo no clímax, teve alguma expressão tensa ou minimamente humana. 

+++ LEIA MAIS: Borat e O Poderoso Chefão são únicas franquias com um dos recordes do Oscar

Para os atores, faltou expressar melhor os sentimentos ou, pelo menos, comunicá-los com mais aptidão ao espectador.

+++ LAGUM: 'BUSCAMOS SER GENUÍNOS' | ENTREVISTA | ROLLING STONE BRASIL