Pulse

Ozzy Osbourne diz que 2019 é ano mais difícil de sua vida

O cantor cancelou os shows da turnê de despedida do Black Sabbath devido problemas de saúde

Redação Publicado em 28/08/2019, às 10h29

None
Ozzy Osbourne. (Foto: Henny Ray Abrams)

Ozzy Osbourne, o Príncipe das Trevas - e mutante genético cientificamente comprovado -, também tem seus altos e baixos. E, 2019 foi definitivamente o ano em que o astro mais viveu momentos ruins em relação a saúde física.

"Tem sido um dos anos mais difíceis da minha vida. Eu quebrei meu pescoço em janeiro, tive pneumonia, tive de coágulos no sangue… Tem sido um ano conturbado, para dizer o mínimo. Eu estive com tanta dor esse ano", disse o cantor em entrevista para a rádio SiriusXM.

Osbourne relembrou o acidente de quadriciclo que sofreu em 2003 em que quebrou a clavícula, diversas costelas, uma vértebra do pescoço e o deixou em coma por oito dias. O músico explicou que apesar dos "estragos", a única coisa que ainda carrega do acidente é uma sequela que o obriga a tomar choques elétricos diários no braço.

Já em 2019, Osbourne sofreu com infecções e quebrou o pescoço durante a pausa da turnê mundial de despedida do Black Sabbath.

"Eu estava cantando melhor do jamais cantei e estava realmente feliz. Eu fui para casa para um pequena pausa e tive infecção estafilocócica em dois dedos. Deus sabe como isso aconteceu. Isso passou. Então eu fiz o show de Ano Novo aqui em Los Angeles. Esse foi o último show que eu fiz, porque, em fevereiro, eu levantei de noite para ir no banheiro e pisei em falso. Eu bati no chão como uma tonelada de tijolos".

O astro conta que, por conta de suas poucas sequelas no acidente de 2003, Sharon, esposa de Osbourne, achou que a situação não era grave.

"Ela falou 'O que você está fazendo?' São duas da manhã'. E então eu disse 'Eu acho que quebrei meu pescoço' e ela respondeu 'Ah, levante e volte para cama".

Por conta dos problemas de saúde do cantor, a maioria dos shows cancelados do Black Sabbath serão reagendados para o início de 2020. Alguns deles não entraram na nova agenda, pois se tratavam se participações em festivais. Os fãs poderão usar o mesmo ingresso de 2019 para ir no shows da última turnê.

Assista a entrevista de Ozzy Osbourne para Sirius XM aqui:


+++ De Djonga a Metallica: Scalene escolhe os melhores de todos os tempos