Pai de Amy Winehouse gostaria que cantora fosse lembrada pelo 'talento'

Mitch Winehouse explicou como a filha era talentosa e ajudou muito os entes queridos

Felipe Grutter (com supervisão de Yolanda Reis) Publicado em 19/07/2021, às 09h50

None
Amy Winehouse (Foto: Dan Kitwood/Getty Images)

Perto do aniversário de 10 anos da morte da dona de "Rehab," Mitch Winehouse, pai de Amy Winehouse, explicou como gostaria que a cantora fosse lembrada pelo "talento." A artista morreu aos 27 anos no dia 23 de julho de 2011 na casa dela em Londres, Inglaterra, em decorrência de intoxicação por álcool.

Em entrevista ao The Sun, Mitch explicou como deseja ver o legado de Amy Winehouse reconhecido pela vocação duradoura, ao invés das batalhas contra o vício. Também explicou como tenta fazer as pessoas se lembrarem da estrela pelo "talento, generosidade e o amor demonstrado a todos nós."

+++LEIA MAIS: O dia que Amy Winehouse foi presa por bater em dois homens em um bar [FLASHBACK]

Depois da morte dela, a família criou a Amy Winehouse Foundation com Amy’s Place, abrigo no leste de Londres projetado para acomodar até 16 mulheres com intuito de manter a recuperação delas após passar pelo processo de reabilitação.

Questionado sobre o papel nos assuntos financeiros de Amy Winehouse, Mitch respondeu: "A mãe de Amy, Janis, e eu administramos a propriedade dela e, sim, é claro que sua música ainda dá muito dinheiro, o trabalho dela deixou toda a família estabelecida. A questão é: não posso dizer isso com clareza suficiente, mas devolveria cada centavo só para ter minha filha de volta."

+++LEIA MAIS: Paul McCartney se arrepende de não ajudar Amy Winehouse; entenda

"Dez anos após a morte, Amy ainda cuida dos entes queridos - família e muitos dos amigos têm sido apoiados - e isso é típico dela. Foi generosa na vida e de muitas maneiras ainda é até hoje," continuou o pai da cantora.


+++ OS 5 DISCOS ESSENCIAIS DE BOB DYLAN | ROLLING STONE BRASIL