BET Awards 2018: Pantera Negra, Childish Gambino e vídeo da Netflix foram destaques da noite

A premiação aconteceu no último domingo, 24, e foi comandada pelo ator Jamie Foxx

Redação Publicado em 25/06/2018, às 18h54 - Atualizado em 26/06/2018, às 15h55

Michael B. Jordan e Ryan Coogler no BET Awards 2018
Richard Shotwell/Invision/AP

No último domingo, 24, aconteceu o BET Awards (evento do Black Entertainment Television), que premia produções com protagonismo negro. O ator Jamie Foxx comandou a cerimônia e, além de brincar com os convidados da noite, enalteceu o filme Pantera Negra e ainda arriscou cantar o começo do hit recente “This is America” com o rapper Childish Gambino.

A Revolução de Pantera Negra: a criação do filme de super-heróis mais radical de todos os tempos

Durante um intervalo do evento, um comercial da Netflix acabou gerando polêmica. Mesmo que o vídeo exibido reforçasse a causa negra, na semana passada, a empresa de streaming demitiu o chefe de comunicações, Jonathan Frieland, por falas racistas no ambiente de trabalho. Apesar da polêmica, a plataforma tem produções de importantes nomes negros como Spike Lee (Ela Quer Tudo), Mike Colter (Luke Cage), Laverne Cox (Orange is The New Black), Caleb McLaughlin (Stranger Things) e vários outros.

O filme Pantera Negra levou o prêmio de Melhor Filme e Chadwick Boseman ganhou como Melhor Ator pela interpretação do super-herói. Jamie Foxx disse que “não precisamos de um presidente, já temos nosso rei” e não perdeu a oportunidade para elogiar o “vilão sexy” Erik Killmonger, vivido por Michael B. Jordan, mostrando-o sem camisa na capa de uma revista norte-americana.

Kendrick Lamar, com o disco Damn, vencedor de um prêmio Pulitzer, também levou a estatueta de Melhor Álbum da noite. Já Beyoncé ganhou como Melhor Cantora e Bruno Mars, Melhor Cantor, repetindo a vitória de 2017. Nos esportes, Serena Williams e LeBron James foram os grandes premiados do BET Awards 2018.