Para Coreia do Norte, novo filme de Seth Rogen representa um "ato de terrorismo"

Governo prometeu “retaliação impiedosa” caso The Interview seja lançado

Redação Publicado em 25/06/2014, às 14h36 - Atualizado em 26/06/2014, às 13h16

-
Reprodução

O novo filme de James Franco e Seth Rogen não foi visto com bons olhos pelo governo norte-coreano. A comédia The Interview, que traz a dupla no papel de dois jornalistas em uma missão para assassinar o dirigente Kim Jong-un, foi considerado pelo país como "ato de terrorismo".

10 estrelas da música que cantaram para ditadores

Em um comunicado divulgado pela agência KCNA, o governo da Coreia do Norte ainda prometeu uma “retaliação impiedosa” contra os Estados Unidos se o filme for lançado, já que, na visão dos norte-coreanos, o longa-metragem representaria um ato de guerra feito por cineastas “gângsteres”.

“A conduta de fazer e veicular um filme que retrata um atentado ao nosso líder... Representa uma ação de terrorismo e de guerra, e é absolutamente intolerável”, disse o porta-voz.

The Interview será lançado no dia 10 de outubro nos Estados Unidos. Seth Rogen, em sua conta oficial no Twitter, postou que espera que Kim Jong-un goste do filme.

Assista ao trailer de The Interview abaixo.