Para Jason Momoa, nada fazia sentido em Game of Thrones até trocarem atriz de Daenerys

Por que precisaram trocar a atriz?

Redação Publicado em 21/09/2020, às 13h44

None
Jason Momoa e Emilia Clarke em Game Of Thrones (Foto: Divulgação)

Com o lançamento do livro Fire Cannot Kill a Dragon, os fãs terão acesso à história dos bastidores de Game of Thrones contada por quase todos os envolvidos na produção da série. Na obra, Jason Momoa revelou que no piloto desastroso do seriado nada "fez sentido" para ele até a reformulação do papel de Daenerys. As informações são do Cheatsheet.

+++LEIA MAIS: Astro de Game of Thrones revela que série gravou um final alternativo; entenda

David Benioff e D.B. Weiss recriaram Game of Thrones após o terrível piloto. Os dois precisaram apresentar mudanças significativas devido à má recepção. De acordo com o novo livro, a cena em questão era a de Khal Drogo (Momoa) e a noite de núpcias de Daenerys.

No piloto original, Tamzin Merchant interpretou Daenerys e reformular o papel não foi fácil. Michael Lombardo, ex-presidente de programação da HBO, explicou que precisaram repensar, porque todos entendiam que a jornada da personagem era crítica, e as cenas da então atriz com Momoa "simplesmente não funcionaram".

+++LEIA MAIS: Game of Thrones: Jason Momoa defendia Emilia Clarke em gravações de cenas abusivas de sexo

"[Merchant] foi ótima. Mas, quando Emilia chegou lá, tudo deu certo para mim. Eu não estava realmente 'lá', nada fazia sentido, até ela chegar", explicou Momoa.

Bryan Cogman, assistente de Benioffque mais tarde se tornou co-produtor executivo, afirmou que Merchant fez um "trabalho muito bom". Não é possível saber a razão de não ter funcionado. No entanto, Emilia Clarke certamente nasceu para o papel.  

+++LEIA MAIS: Game of Thrones: Emilia Clarke revela que foi pressionada a fazer cenas de nudez para não "decepcionar" fãs

Fire Cannot Kill a Dragon será lançado no dia 6 de outubro.


+++ JOÃO GORDO: 'O QUE ESTÁ ACONTECENDO HOJE NO BRASIL É COMPLETAMENTE SURREAL' | ROLLING STONE