Para o BTS, artistas têm a obrigação de falar mais sobre depressão

O grupo de k-pop falou sobre a importância de trazer à tona diálogos sobre saúde mental e autoaceitação

Redação Publicado em 01/04/2019, às 11h45

None
BTS (Foto:Tom Haines/PA Wire)

O grupo sul-coreano BTS estampa a capa da edição desta semana da Entertainment Weekly. Em entrevista à revista, os integrantes falaram sobre uma ampla variedade de temas, e entre eles, abordaram o importantíssimo tópico da saúde mental.

Suga, um dos cantores que faz parte do fenômeno do k-pop, afirmou a necessidade de se falar mais abertamente sobre depressão, e que só assim é possível melhorar a falta de informação e acabar com os mitos e conceitos errados que rodeiam o distúrbio.

“Cada vez mais artistas e celebridades que têm voz devem falar sobre isso, e trazer esses problemas à tona”, disse. “Nós buscamos nossa força, nosso conforto e nossa alegria nos fãs, então sempre temos isso em mente quando fazemos nossas músicas, assim eles também conseguem buscar isso em nós.”

RM, outro integrante do grupo, falou que esse é o motivo da banda ter adotado o conceito de Love Yourself: “Não queremos dizer 'faça isso e não faça aquilo', porque não é o jeito como queremos espalhar nossa mensagem”. 

E completou: “Todo nascemos com vidas diferentes. E tem coisas que não podemos escolher, então ensinamos que amor, o significado real dessa emoção, começa com conseguir amar a si mesmo e aceitar algumas ironias e destinos que temos desde o início.”

Algoritmo da Vida: novo projeto da Rolling Stone Brasil busca sintomas de depressão mas redes sociais para prevenção do suicídio: