Paris Jackson enfurece religiosos com filme de Jesus como mulher lésbica; petição ultrapassa 300 mil assinaturas

Artistas como Sia declararam apoio a artista nas redes sociais

Redação Publicado em 03/07/2020, às 08h52

None
Paris Jackson (Foto: Reprodução/Instagram)

Recentemente, Paris Jackson, filha de Michael Jackson, enfureceu milhares de religiososcom filme de Jesus como mulher lésbica. A produção é indepentente e se chama Habit. Muitos se incomodaram com a proposta do longa e duas grandes petições surgiram na internet. Juntas, elas contam com mais de 300 mil assinaturas. A informação é da revista Monet.

Ainda de acordo com o veículo, a maior das petições, feita no Change.Org, conta com mais de 270 mil assinantes e considera Habit como "lixo cristofóbico". O texto do abaixo-assinado diz: "Um novo filme blasfemo de Hollywood, que tem previsão de ser lançado em breve, descreve Jesus como uma mulher lésbica".

+++LEIA MAIS: Última conversa de John Lennon com Paul McCartney foi sobre próximo passo na carreira de Lennon

Já o outro abaixo-assinado veio da One Million Moms, organização que diz ser contra "imoralidade, violência, vulgaridade e palavrões da mídia de entretenimento". A petição conta com mais de 70 mil assinaturas.

Além de Paris Jackson, Habitcontará com Bella Thorne e Gavin Rossdale. Segundo um comunicado à imprensa (via Monet), o filme mostra "uma garota de rua esperta e festeira com um fetiche em Jesus (que) se envolve em um negócio violento de drogas e encontra uma saída possível, se disfarçando como uma freira".

+++LEIA MAIS: Ben Affleck assinou contrato para voltar como Batman no Multiverso DC, diz site

No entanto, a artista não recebeu somente críticas por conta do papel. No Twitter, a cantora Sia mostrou estar do lado da atriz. "Cara Paris Jackson, eu amo você, continue. Acredito que você seja uma boa pessoa", escreveu.

Veja abaixo uma foto de Paris Jackson como Jesus em Habit.


+++ RAEL | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO