Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone

Paris Jackson revela ameaças de morte por não falar sobre Michael Jackson no aniversário

Segundo Paris Jackson, Michael não iria querer que pessoas comemorassem o aniversário dele; entenda

Redação Publicado em 01/09/2023, às 10h55

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Paris Jackson (Foto: Getty Images / Theo Wargo / Equipe) e Michael Jackson (Brittain Landmark Media Punch / IPX)
Paris Jackson (Foto: Getty Images / Theo Wargo / Equipe) e Michael Jackson (Brittain Landmark Media Punch / IPX)

Filha de Michael Jackson, Paris Jackson revelou como recebeu diversas ameaças de morte por não publicar nada na internet no dia do aniversário do Rei do Pop. O cantor faria 65 anos na última terça, 29 de agosto de 2023.

Jackson morreu aos 50, em 25 de junho de 2009, após sofrer uma parada cardíaca em casa. Nas redes sociais, Paris explicou o motivo de não falar nada sobre o pai no dia do aniversário dele - e explicou como Michael odiaria qualquer pessoa que comemorasse essa data dele.

+++LEIA MAIS: Como Paris Jackson reconectou-se com a mãe após morte de Michael Jackson?

"Hoje é o aniversário do meu pai e, quando ele estava vivo, ele odiava qualquer pessoa que reconhecesse o aniversário dele," escreveu. "Desejando a ele um feliz aniversário, comemorando; nada como isso. Na verdade, ele nem queria que soubéssemos quando era seu aniversário."

[Mas] houve momentos em que não postei nada no aniversário do meu pai e as pessoas enlouqueceram. Eles me dizem para me matar.

"Eles estão basicamente medindo meu amor por meu próprio pai com base no que posto no Instagram," continuou Paris Jackson. Além disso, ela explicou como, em vez de publicar algo na internet, ela decidiu comemorar o aniversário de Michael Jackson pai enquanto se apresentava no palco.

+++LEIA MAIS: Paris Jackson quer ser ‘heroína ou vilã’ na Marvel; entenda

No dia do aniversário do Rei do Pop, Paris colocou alguns trechos de um show que fez na data: "É o aniversário do meu pai. Ele dedicou 50 anos de sangue, suor e lágrimas, amor e paixão para fazer o que fez, para que eu possa ficar aqui no palco na sua frente e gritar no microfone. Devo tudo a ele."

Há sempre formas de nos envolvermos na sensibilização para as alterações climáticas, em fazer coisas pelo ambiente, no ativismo pelos direitos dos animais. Essas eram coisas que ele amava e nas quais estava muito, muito interessado. Não posso falar por ele… mas tenho certeza que ele teria adorado isso.