Pulse

Paul McCartney se diz decepcionado com Michael Jackson

Ex-beatle diz que não fazia ideia do "lado sombrio" de Michael Jackson após assistir o documentário Deixando Neverland

Redação Publicado em 27/03/2019, às 15h00

None
Paul McCartney (Photo by Jack Plunkett/Invision/AP)

Em entrevista para a Rádio Futuro, no Chile, o ex-beatle, Paul McCartney admitiu que não fazia ideia do "lado sombrio" de Michael Jackson após assistir o recente documentário Deixando Neverland

O artista comentou: "Obviamente, Michael era um ótimo cantor, um grande artista e um ótimo dançarino. Por anos nós amamos isso. Ninguém sabia desse outro lado que é mostrado no filme." 

+++ Em São Paulo, Paul McCartney toca menos músicas dos Beatles e se iguala à turnê de 1993

+++ Fãs de Michael Jackson processam acusadores do cantor

"Quando eu o conheci, ele era um cara muito legal. Eu não conhecia esse "lado sombrio". Fica muito difícil olhar para todas as memórias, que eram boas, e pensar: 'ah, havia outras coisas acontecendo", conta McCartney. 

"Para mim, eu estou bem em ficar apenas com as memórias pessoais que tenho dele. O outro lado é o outro lado. Eu não sei nada sobre isso''.

''Eu consigo entender o porque as pessoas estão tão desapontadas e com raiva por ele ter esse lado sombrio''.

+++ Se o legado de Michael Jackson for destruído, a culpa é dele, diz produtor do Rei do Pop

No início de março, a emissora HBO lançou Deixando Neverland, documentário sobre as acusações de abuso sexual de menores feitas contra Michael Jackson. Desde então, o longa gerado polêmicas envolvendo o astro do pop. 

Algoritmo da Vida: novo projeto da Rolling Stone Brasil busca sintomas de depressão mas redes sociais para prevenção do suicídio: