“Perdi um amigo amado”, diz Elton John após morte de George Michael

Veja o que amigos, colaboradores e famosos disseram nas redes sociais sobre a morte do cantor e compositor ex-Wham!, que tinha 53 anos de idade

Redação Publicado em 25/12/2016, às 22h41 - Atualizado em 26/12/2016, às 17h58

Os músicos George Michael e Elton John juntos em festa da Versace, em 1995, em Londres, na Inglaterra

Ver Galeria
(2 imagens)

Elton John usou o Instagram para lamentar a morte de George Michael, que aconteceu neste domingo, 25. O cantor e compositor morreu aos 53 anos de idade, segundo o site da BBC, em casa, na região de Oxfordshire, na Inglaterra.

LEIA TAMBÉM

George Michael lançou primeiro single aos 19 anos e namorou brasileiro

Relembre a vida de George Michael em fotos

George Michael: a carreira do cantor em momentos inesquecíveis

I am in deep shock. I have lost a beloved friend - the kindest, most generous soul and a brilliant artist. My heart goes out to his family, friends and all of his fans. @GeorgeMichael #RIP

Uma foto publicada por Elton John (@eltonjohn) em

“Eu estou em choque. Eu perdi um amigo amado - uma alma bondosa e generosa e um artista brilhante. Meu coração está com a família, os amigos e todos os fãs dele. #RIP”

Outros artistas também se manifestaram por meio das redes sociais. Veja abaixo algumas das declarações.

"George? George Michael? Não... Não pode ser. Mais do que triste. #RIPGeorgeMichael Bri."

"Inacreditável.

RIP George Michael."

"Ah, não. GEORGE MICHAEL. Um compositor incrível com uma voz genuinamente bonita. 'A Different Corner' é uma das minhas músicas favoritas."

“2016 - perda de outra alma talentosa. Todo nosso amor e simpatia para a família de George Michael.”

"Ah, não. George Michael RIP."

"George Michael. Você era mais do que uma lenda."

“Por favor assistam e escutem este belo homem cantando esta bela música.”

R.I.P George Michael. Mari and I and our family are gutted. He was a true gentleman, one of the most talented people on earth and the soundtrack to our youth. An absolute legend. we were proud to be able to call him a friend and will miss that beautiful smile terribly. Sending love to all of his family on this sad Christmas. #ripgeorgemichael

Uma foto publicada por Rob T (@thisisrobthomas) em

“RIP George Michael. Mari e eu e nossa família estamos destruídos. Ele era um verdadeiro cavalheiro, uma das pessoas mais talentosas na Terra e a trilha sonora da nossa juventude. Uma lenda absoluta. Nos orgulhamos de poder chamá-lo de amigo e sentiremos uma falta terrível daquele belo sorriso. Mandando amor para todos da família dele neste Natal triste.”

"Ah, Deus, não... Eu te amo, George... Descanse em paz."

"Acabei de saber da morte do meu amigo George Michael. Ele era um talento tão brilhante. Estou muito triste."

De acordo com a BBC, a morte de Michael foi informada por um assessor de imprensa que trabalhava com o cantor. Ainda segundo a postagem do veículo britânico, a polícia não identificou “circunstâncias suspeitas” e registrou a passagem de uma ambulância na casa dele.

Michael ficou conhecido como um dos integrantes do duo – o outro é Andrew Ridgeley – Wham!, que foi formado no começo dos anos 1980 e lançou três discos antes de se separar em 1986. Entre as músicas mais conhecidas do Wham! estão “Wake Me Up Before You Go-Go”, “Careless Whisper” e “Everything She Wants”.

Depois do fim do Wham!, o músico seguiu em carreira solo, atingindo ainda mais sucesso comercial. Segundo o Pitchfork, o disco de estreia solo de Michael, Faith (1987), vendeu mais de 25 milhões cópias ao redor do mundo e teve seis singles no top 5 das paradas norte-americanas.

Ele foi indicado oito vezes a prêmios no Grammy e venceu duas vezes: uma delas na categoria Álbum do Ano, com o disco Faith, e outra com a música “I Knew You Were Waiting (For Me)”, single dele com Aretha Franklin que foi hit quando saiu, em 1987.