Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone
Notícias / Golpe

Perfil de Matthew Perry no X é invadido por hackers

Astro de Friends, morto em 2023, teve perfil invadido por hackers que buscavam desviar as doações para fundação de Perry em benefício de dependentes

Redação Publicado em 27/02/2024, às 14h07

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Mathew Perry em 2017 (Foto: Evan Agostini / AP)
Mathew Perry em 2017 (Foto: Evan Agostini / AP)

O perfil de Matthew Perry no X, antigo Twitter, foi hackeado. A informação é da Matthew Perry Foundation, que revelou que a conta do ator na rede social teria sido invadida, com propósito de desviar arrecadações da fundação dedicada ao tratamento de pessoas que lidam com dependência.

Segundo a fundação, um post com um link teria sido fixado no topo do perfil de Perry. O endereço, entretanto, levava a uma página duplicada.

"Recebemos relatos de que a página oficial do Matthew no X foi hackeada e está direcionando os usuários para um site fraudulento solicitando doações via criptomoeda", dizia a postagem da fundação (via Rolling Stone).

Eles alertaram enfaticamente contra o envolvimento com a plataforma enganosa, destacando que MatthewPerryFoundation.org permanece como o único site legítimo para doações.

A legenda que acompanhou a postagem reiterou a urgência, pedindo aos seguidores que relatassem imediatamente quaisquer contas impostoras e usassem exclusivamente o site verificado para contribuições.

Matthew Perry (Foto: Jason Merritt/Getty Images)

As lutas de Matthew Perry com a dependência foram expostas com franqueza pelo próprio ator em sua autobiografia, Friends, Lovers, and the Big Terrible Thing. Apesar do drama pessoal, o astro de Friends permaneceu até o fim de sua vida comprometido em ajudar outros que enfrentam desafios semelhantes.

+++ LEIA MAIS: Comediante faz piada sobre morte de Matthew Perry e rebate críticas: 'Engrossem a casca'

A morte de Matthew Perry

Sua morte prematura em outubro de 2023, aos 54 anos, foi atribuída a efeitos agudos da cetamina, usada no tratamento da depressão. O relatório da autópsia ainda destacou o afogamento acidental do ator em sua banheira de hidromassagem, onde foi encontrado em sua residência em Los Angeles, como a causa secundária de sua morte.