Performances impecáveis e protagonismo fascinante, High School Musical: The Musical: The Series entrega o melhor na segunda temporada [REVIEW]

Agora com protagonismo coletivo, a série exclusiva Disney+ conseguiu se reinventar e ser ainda mais surpreendente nos novos episódios

Isabela Guiduci Publicado em 14/05/2021, às 10h00

None
Segunda temporada de High School Musical: The Musical: The Series (Foto: Reprodução)

Quando o assunto é musical, a Disney é veterana. High School Musical: The Musical: The Series, uma das produções originais exclusivas Disney+, relembra a potência dos estúdios com o gênero - e a segunda temporada conseguiu superar as expectativas e ser ainda mais grandiosa se comparada aos dez primeiros episódios.

Agora com a proposta de protagonismo coletivo, a série reencontrou a principal força - os interessantes personagens. Os novos episódios, que serão lançados semanalmente a partir desta sexta, 14, apresentam a melhor combinação da Disney: performances impecáveis, ótimas músicas originais e uma geração talentosa de atores e cantores. 

+++LEIA MAIS: Sensível, intimista e significativo: Joshua Bassett canta as angústias do amor no primeiro EP da carreira [ENTREVISTA]

High School Musical: The Musical: The Series apresentou uma primeira temporada mágica com canções originais icônicas, apresentações divertidas e uma narrativa deliciosa. A tarefa para os novos episódios continuarem interessantes era difícil - no entanto, Tim Federle, criador da série, conseguiu reinventar a produção de modo impressionante, sem abandonar os princípios da proposta inicial. 

Ambientada no East High pós-sucesso da franquia de sucesso High School Musical, High School Musical: The Musical The Series acompanha a clássica escola nos dias atuais e os alunos responsáveis por formar o grupo de teatro do colégio, agora sob comando de Miss Jenn (Kate Reinders).

+++LEIA MAIS: As pessoas estão obcecadas por Olivia Rodrigo - e vamos te convencer a ficar também

Nos primeiros episódios, conhecemos os alunos Nini (Olivia Rodrigo), Ricky (Joshua Bassett), E.J. (Matt Cornett), Gina (Sofia Wylie), Carlos (Frankie A. Rodriguez), Ashlyn (Julia Lester), Kourtney (Dara Reneé), Big Red (Larry Saperstein) e Seb (Joe Serafini). Na segunda temporada, todos retornam aos papéis.  

A primeira temporada focou principalmente na evolução pessoal e artística de Nini Salazar-Roberts (Olivia Rodrigo) e no relacionamento dela com Ricky (Joshua Bassett). Com Nini em outra cidade para seguir os sonhos de ser atriz e cantora, os novos episódios se concentram nos personagens recorrentes e dão mais espaço para o protagonismo deles. 

+++LEIA MAIS: Tudo o que você precisa saber sobre Sour, disco de estreia de Olivia Rodrigo [LISTA]

Anteriormente, Tim Federle havia revelado que na segunda temporada os outros personagens teriam mais espaço - e, brilhantemente, todos ganham mais minutos na tela, especialmente o trio: Ashlyn de Julia Lester, Gina de Sofia Wylie e Kourtney de Dara Reneé. Este é o início da reinvenção da história, que consegue ficar mais divertida e interessante a partir das movimentações das 'novas' protagonistas.

No segundo ato da série não acompanhamos a montagem do musical de High School Musical 2, como era esperado. Para competir pelo Prêmio Alan Menken para Teatro Musical Escolar, os jovens farão a peça de A Bela e a Fera, supervisionados novamente por Miss Jenn. Contudo, as referências à amada trilogia da Disney continuam constantes, com direito a versões de canções do segundo filme. 

+++LEIA MAIS: Como Olivia Rodrigo, com apenas 18 anos, faz história na música pop?

Com mais atenção aos outros personagens, a nova temporada de High School Musical: The Musical: The Series ganha ainda mais dinamicidade. Devido ao formato de mocumentário, os depoimentos dos alunos são mesclados aos acontecimentos cotidianos do East High. 

Os novos episódios parecem ter uma preocupação maior com a comicidade. A comédia é mais frequente e escancarada, afastando-se dos dramas adolescentes centrais vistos na primeira temporada. Por ser uma série teen, as temáticas de amizade e romance seguem no foco, embora sejam movimentados também por outros personagens.

+++LEIA MAIS: Conheça Olivia Rodrigo: Aposta da Rolling Stone EUA para o Grammy 2022 e queridinha da Taylor Swift

Nos primeiros minutos do episódio de abertura da segunda temporada, é possível notar a evolução das performances. Divulgada anteriormente como prévia, a canção original "Something in The Air" é a responsável por convidar o público para os novos acontecimentos dos alunos. 

Além da música original ser ótima - mantendo o padrão da primeira temporada -, a performance é grandiosa, com mais tempo de vocal e dança para os outros personagens que não Nini e Ricky. Cantada e coreografada pelos alunos recorrentes na série, a fascinante apresentação consegue representar como serão os desempenhos neste novo momento.

+++LEIA MAIS: Conheça High School Musical: The Musical The Series, série exclusiva do Disney+

Vale um destaque para os vocais encantadores de Julia Lester e Dara Reneé, que finalmente têm os holofotes merecidos e ganham solos. Além delas, Joshua Bassett e Olivia Rodrigo seguem impressionantes enquanto cantores ao longo da série - os dois, inclusive, são grandes artistas musicais fora da tela.

Julia Lester, Sofia Wylie e Dara Reneé conseguem - coletiva e individualmente - surpreender a cada cena. Apostar na amizade e protagonismo das três personagens foi, certamente, o principal acerto de narrativa na segunda temporada. E, é claro, uma ótima maneira de sair da mesmice e das questões apresentadas anteriormente. 

+++LEIA MAIS: Saudade de Glee? 6 filmes para quem ama a série, de High School Musical a Escolha Perfeita

Há mais detalhes sobre as singularidades e talentos de cada uma delas, mas também de outros personagens como Seb, de Joe Serafini, e as habilidades dele no piano e o sapateado de Big Red, de Larry Saperstein

A Rolling Stone Brasil só teve acesso aos episódios iniciais da segunda temporada - e foi o suficiente para notar a preocupação da produção em entregar o melhor conteúdo possível. O padrão parece se repetir ao longo de cada capítulo: muito glamour, performances mais elaboradas e coreografadas, espaço para todos os personagens e protagonismo de Ashlyn, Gina e Kourtney

+++LEIA MAIS: 6 fatos sobre High School Musical que você provavelmente não sabia [LISTA]

Se este padrão, de fato, continuar até os últimos minutos dos episódios finais, High School Musical: The Musical: The Series atingirá um nível de qualidade superior com a segunda temporada - o que é muito difícil em séries, especialmente adolescentes.  

Nos novos episódios, as performances individuais são mais potentes, as performances em grupo mais dinâmicas, os personagens parecem mais seguros de si, além da química dos atores ser mais enérgica e madura. É incrível como a série é surpreendente, fascinante, grandiosa e não perde o brilho.

+++LEIA MAIS: Os 3 aspectos apaixonantes da apresentação de Olivia Rodrigo no The Tonight Show [LISTA]

High School Musical: The Musical: The Series(2019) chegou ao Brasil oficialmente um ano após o lançamento original. Os dez capítulos da primeira temporada foram lançados semanalmente a partir da chegada do Disney+ em novembro de 2020.

Com a segunda temporada, não será diferente. Os dez episódios de High School Musical: The Musical: The Series - de cerca de 35 minutos cada - serão lançados semanalmente no Disney+ a partir desta sexta, 14.


+++ MV BILL: 'A GENTE TEM A PIOR POLÍTICA DE GOVERNO PARA O PIOR MOMENTO' | ENTREVISTA | ROLLING STONE BRASIL