Peter Farrelly desmente rumores acerca de Os Três Patetas

O elenco ainda está completamente indefinido, ao contrário do que havia sido divulgado; diretor revela que os personagens serão bastante parecidos com os originais

Da redação Publicado em 10/01/2011, às 16h32

Os originais Larry, Curly e Moe em cena do filme Disorder in the Court
Reprodução

Quem se empolgou com a notícia publicada na última sexta, 7, a respeito do possível elenco que integraria o filme Os Três Patetas começará a semana decepcionado. Peter Farrelly, que ao lado de seu irmão Bobby está responsável pela direção do projeto, desmentiu que os atores Johnny Knoxville, Andy Samberg e Shane Jacobson poderão interpretar, respectivamente, Moe, Larry e Curly.

Peter se disse irritado com os rumores: "Você não quer que as pessoas pensem que você já escalou o elenco, porque não escalou. Está completamente aberto para todo mundo". Ele ainda esclareceu que os boatos de que Sean Penn esteve interessado em ter um papel eram reais: "O Sean queria fazer e quando o Sean queria fazer, todo mundo também queria. Mas agora ele está extremamente envolvido com o Haiti. Ficamos sabendo que se esperássemos uns dois anos, provavelmente conseguiríamos fazer com ele, mas já esperamos alguns anos", afirmou, lembrando que o projeto está no papel há algum tempo.

Também ao contrário do que havia sido divulgado (e repercutido por este site), as filmagens não começam em março, mas sim em abril, em Atlanta, Geórgia.

O diretor aproveitou a entrevista para falar um pouco mais sobre o que ele e Bobby têm em mente para o longa: "É Os Três Patetas, igualzinho aos [curtas] antigos. Eles terão a mesma aparência, vão usar as mesmas roupas, falar igual, agir igual e usaremos os mesmos efeitos sonoros".

Uma coisa que havia sido anunciada e foi confirmada é que o filme será dividido em três partes, cada uma contando histórias independentes, sendo que uma é vagamente conectada à outra. A primeira dessas três partes terá uma trama que começou 40 anos antes: "Um carro passa por um orfanato, joga uma mochila pela janela e vai embora. Uma freira vê e abre a mochila, da qual sai uma mão de bebê, que acerta seu olho. Então, esse primeiro episódio os mostra crescendo no orfanato". No segundo episódio, eles estão com cerca de 40 anos, saindo do orfanato, colocando o pé na estrada e encarando várias aventuras, ao fim das quais acabam se separando. Tudo para o terceiro ato começar com cada um em um canto e tentando sobreviver em um mundo no qual todo aquele pastelão com o qual estão acostumados não é tão bem aceito. Nas palavras de Peter Farrelly, "de repente, quando Moe bate em alguém que não conhece, trata-se de agressão e ofensa física".

Ainda sobre o elenco, o cineasta explicou que procura atores que sejam fiéis aos trejeitos dos personagens originais, pois a sua intenção não é fazer uma nova versão deles, mas sim levar novamente para as telonas o Moe, o Larry e o Curly que todos já conhecem.