Peter Hook critica reunião do New Order

Ex-baixista da banda, que não participará dos shows beneficentes na Europa em outubro, diz não ter sido informado sobre apresentações

Redação Publicado em 09/09/2011, às 10h34 - Atualizado às 10h43

Peter Hook critica ex-colegas de banda por reunião
Foto: Alessandra Falbo

A reunião do New Order não agradou a Peter Hook – ex-integrante da banda que não retornará ao baixo neste reencontro. O músico enviou um comunicado à imprensa internacional comentando o caso. As informações são do site do semanário britânico NME.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

No início desta semana, Bernard Sumner anunciou duas datas da banda em outubro na Europa (leia aqui), em apresentações beneficentes para ajudar o amigo de longa data Michael Shamberg, que desde 2005 luta contra doença debilitante. A formação atual, contudo, contará com Stephen Morris na bateria, Gillian Gilbert no teclado e guitarra, Phil Cunningham tocando guitarra e teclado e Tom Chapman no baixo.

“Fique surpreso! Todos sabem que New Order sem Peter Hook é como o Queen sem Freddie Mercury, U2 sem The Edge”, escreveu Hook, em comunicado. “Não entendi a decisão deles. Eu gostaria que tivessem vindo me falar a respeito antes. Não concordo com os métodos usados e seria profissional se tivessem conversado comigo antes de anunciar os shows. É muito triste.” O baixista deixou a banda em 2007 e sua relação com Bernard Sumner nos últimos anos tem sido conturbada.